X

Nadal pede 100 mil euros de indenização em processo a ex-ministra francesa

Sábado, 14 de outubro 2017 às 12:14:05 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O número 1 do mundo, o espanhol Rafael Nadal, entrou oficialmente com um processo de 'danos morais e materiais' contra a ex-ministra dos esportes francesa Roselyne Bachelot. Rafa pediu na justiça francesa 100 mil euros de indenização.



Em Xangai, na China, onde está para a disputa do Masters 1000 local, Rafa comentou o processo: "Para mim é questão de honra e não questão de dinheiro, se resultar em alguma indenização o dinheiro irá para alguma fundação, não é nada pessoal, é questão de honra e de dizer um 'basta!' para essas coisas que sempre acontecem e vindo de uma ex-ministra era algo suficientemente grave para levar a sério".

"Disse a todo o momento que faria uma denúncia efetiva, a fiz, e agora depende dos advogados e juízes. Tenho que esperar", ponderou Rafa Nadal.

A figura central do processo está na frase de Bachelot em entrevista a um canal de TV francês: "É de conhecimento que a famosa lesão de Rafael Nadal, quando esteve parado por sete meses [2012], foi realmente porque atestou positivo no controle antidoping".

Bachelot, á época, assim como parte da imprensa francesa, em prioridade, levantaram suspeitas sobre a lesão do espanhol.

O advogado do tenista, Patrick Malsonneuve, foi ouvido pela rádio madrilenha Cadena SER e destacou que a fala de Bachelot são de "de enorme peso devido ao cargo que ocupava" e de "consequências significativas respeito dos atuais e futuros patrocinadores do atleta".

 

banner
banner