X

Berdych exalta Federer e confessa ainda sonhar em vencer um Grand Slam

Terça, 14 de fevereiro 2017 às 16:10:32 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O tcheco Tomas Berdych, 12º do ranking da ATP, é um dos principais favoritos ao título do ATP 500 de Roterdã, na Holanda, onde venceu em 2014, e por isso concedeu uma entrevista ao site do torneio em que falou de sonhos e exaltou Roger Federer.



Berdych iniciou a entrevista falando da derrota para Roger Federer na chave do Australian Open. Jogo que ele julgou estranho e completou: "O jeito como ele jogou foi realmente incrível. Já o enfrentei antes muitas vezes. Eu também quero apontar que que foi o melhor que o vi jogar", destacou ele que perdeu em sets diretos.

O tcheco ponderou que ao fim do jogo se contentou ao entender que se o suíço seguisse daquele modo venceria o torneio, como fez. "Ele é o único que pode fazer esse tipo de coisa - vindo de seis meses longe das quadras, dos torneios e das vitórias. Foi seu primeiro torneio oficial e ele venceu. Com todo o respeito, isso é maravilhoso".

Berdych, que tem 31 anos, espera seguir o exemplo de Federer e estar na ativa em alto nível aos 35 anos de idade, entretanto sob o comando de Luka Kutanjac e Goran Ivanisevic, o tcheco busca mais equilíbrioe o retorno ao top 10.

"Meu objetivo ainda é vencer um Grand Slam. Há todo o necessário em meu jogo, mas tudo precisa estar alinhado por duas semanas. Federer realmente achou um modo de jogar bem e vencer, por ele mesmo", confessou.

Veterano, o tenista número um da República Tcheca pontuou que na sua idade, no passado, a maioria dos jogadores já estava disputando sua última temporada, mas comemora que isso não existe mais e credita a um calendário mais flexível e com "espaços" como ferramentas de prolongamento das carreiras.

 

banner
banner