X

Cartunista que trabalhou no Rio Open, Daniel Azulay morre por coronavírus

Sexta, 27 de março 2020 às 23:49:08 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Daniel Azulay, famoso cartunista brasileiro que trabalhou desenhando cartezes do Rio Open, maior evento de tênis da América do Sul, morreu nesta sexta-feira na Clínica São Vicente, na Gávea, no Rio de Janeiro, em decorrência do coronavírus.



Azulay fazia tratamento contra leucemia e estava internado há duas semanas e acabou contraindo a doença que já matou 92 pessoas no Brasil e infectou mais de 3.400.

"Uma tristeza enorme saber do falecimento do nosso querido Daniel Azulay. O Brasil perde um grande artista e o tênis um fã, amante do Rio Open e do nosso esporte. RIP Daniel", disse Lui Carvalho, diretor do Rio Open em suas redes sociais.

Azulay foi um artista plástico, educador com vasta e diversificada atuação na imprensa e na TV como desenhista, compositor e autor de livros infantojuvenis e videogames interativos.

 

banner
banner