X

McEnroe e Navratilova são advertidos por protestos contra Margaret Court

Terça, 28 de janeiro 2020 às 06:41:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Após diversos posicionamentos contra as declarações homofóbicas de Margaret Court, o norte-americano John McEnroe e a tcheca Martina Navratilova fizeram um protesto durante o Australian Open.



O ocorrido se deu nesta terça-feira, na 1573 Arena, terceira maior quadra do complexo do Australian Open. Navratilova e McEnroe entraram em quadra buscando interromper a transmissão da TV portando um cartaz que dizia “Evonne Goolagong Arena”, novo nome que os tenistas sugerem para a Margaret Court Arena.

“Tenho falado sobre este problema há já algum tempo e o John McEnroe está aqui para me ajudar a chamar à atenção”, disse a ex-número um mundial utilizando o microfone do juiz de cadeira antes de ser interrompida pela organização.

A Tennis Australia advertiu os dois ex-tenistas e publicou uma nota sobre o ocorrido. “A Tennis Australia abraça e promove a inclusão, a diversidade e o direito de as pessoas terem a sua voz e seu ponto de vista. No entanto, temos regulamentos e protocolos de como qualquer fã, jogador ou convidado pode e deve usar nossas locações, afim de garantir a integridade do evento. Dois convidados de alto nível quebraram esses protocolos e estamos trabalhando nisto com eles”.

A TV australiana também cortou as imagens da transmissão no momento em que os dois ex-tenistas desenrolaram o cartaz.

banner
banner