X

Orladinho oscila e cai na estreia para português Elias em São Paulo

Segunda, 27 de fevereiro 2017 às 21:09:54 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Ariane Ferreira - Convidado da organização, Orlando Luz, 544º do ranking da ATP, fez sua estreia no Brasil Open oscilando entre um jogo de muitos erros e outro com bom saque e pressionando o português Gastão Elias, 98º, mas acabou derrotado. 



Gastão Elias precisou de 1h22 para fechar a partida contra a principal promessa do tênis brasileiro em 6/2 7/5 tendo convertido três aces contra quatro de Luz.

O gaúcho iniciou a partida jogando mal e tendo dificuldade com saque, acabou quebrado em duas oportunidades e foi dominado. 

Já no segundo set, Orlandinho passou a sacar melhor, encaixou alguns aces, levou o português aos erros, pressionou na devolução e complicou o rendimento do tenista lusitano, que conquistou a quebra de saque no décimo primeiro game e sacou firme para fechar a partida.

Ao fim da partida o vencedor declarou não ter jogado seu melhor nível e atribuiu parte deste baixo rendimento ao "nervosismo" inerente a primeira rodada de qualquer torneio. Elias ainda pontuou que esteve nervoso diante do ex-número um do mundo juvenil, "que promete muito e por isto a qualquer momento ele pode começar a jogar muito bem e eu estava nervoso também um pouco por isto. Nunca havia jogado contra ele, também não o conhecia, mas fico feliz de sem meu melhor tênis ter ganho hoje", confessou

Na análise do jogo do tenista lusitano, o fato do brasileiro ter iniciado a partida jogando mal foi o que complicou o jogo: "Eu senti que ele começou muito nervoso e praticamente não tive que fazer muito para ganhar o primeiro set e no segundo ele melhorou um pouquinho e eu vinha sem ritmo, de ter eu ganho muitos pontos de graça, em virtude de ele ter errado muito. No segundo set ele sacou melhor, o que aqui em São Paulo faz muita diferença", disse ele que apontou a "devolução de saque" com a grande dificuldade da segunda etapa.

Na próxima rodada, Elias encara o segundo principal favorito, o espanhol Albert Ramos.

 

banner
banner