X

'É a prova que ninguém é imbatível', lamenta Djokovic

Quarta, 13 de abril 2016 às 15:11:29 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Número 1 do mundo, Novak Djokovic se mostrou decepcionado,mas conformado com sua derrota nesta quarta-feira em sua estreia no Masters 1000 de Monte Carlo, evento que abre a temporada europeia. Foi sua pior derrota em seis anos, primeira em estreias em três temporadas.



Leia Mais:

Djokovic sofre sua pior derrota em seis anos

Tcheco derruba Djokovic em zebra em Monte Carlo

"Esta é a prova que ninguém é imbatível", disse o sérvio após cair por 6/4 2/6 6/4 diante do tcheco Jiri Vesely, 55º colocado. Nole caiu pela primeira vez em uma estreia no circuito desde Madri em 2013, em maio.

"Devo felicitar meu rival, jogou muito sólido e sacou muito bem. Jogou taticamente bem e agressivo. Há poucas coisas positivas que tiro desta partida de hoje. Joguei realmente mal". 

Vesely emplacou sua primeira vitória em nove jogos contra um top 10. Djokovic agora soma 28 vitórias e duas derrotas no ano. A outra foi contra Feliciano lopez nas quartas em Dubai, jogo que abandonou com problemas no olho.

Em busca de descanso - Após o mês cheio em março com Copa Davis, título em Miami e Monte Carlo, o líder agora espera apenas por descanso: "Foram meses duros. Vou descansar, descanso completo. Estou realmente de olho nisso", apontou o sérvio que volta em Madri e afirma não ter abalado sua confiança: "Tive um início incrível de ano, a partida de hoje não causará distúrbios  em minha preparação e pro que virá. Estou ainda confiante, sentindo jogar o melhor tênis de minha vida. Vou descansar porque às vezes é preciso e depois voltar aos treinos em uma quadra completamente diferente onde é preciso ajuste. Estarei melhor pro próximo evento".

 

 

banner
banner