X

Governo da Victoria não apoia pedido de visto e Djokovic segue no Aeroporto

Quarta, 05 de janeiro 2022 às 10:12:50 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Novak Djokovic deu entrada na Austrália com visto errado e sem apoio do governo da Victoria, tem sua entrada atrasada. Jaala Pulford, Ministra dos Esportes da Victoria, informou que não dará sustentação ao pedido de isenção médica do sérvio.



De acordo com reportagem do The Age, Novak Djokovic e sua equipe desembarcaram no aeroporto de Tullamarine, em Melbourne, por volta das 23h30 no horário local, cerca de 9h30 do horário de Brasília, porém sua equipe teria apresentado o visto errado para entrar na Austrália. Djokovic e sua equipe não estão com o visto que aponta isenção médica para a entrada no país.

Ainda segundo o jornal local, a Força Federal de Fronteira, responsável pela emissão de vistos e permissões de entrada no país decidiu então contatar as autoridades do estado da Victoria pedindo a confirmação da autorização de isenção, o que não foi dado pelas autoridades, explicou a Ministra dos Esportes da Victoria.

Em seu perfil oficial no Twitter, Pulford explicou a situação: "O governo federal nos questionou se apoiamos a aplicação de visto de Novak Djokovic para entrar na Austrália", iniciou. " Não forneceremos a Novak Djokovic apoio individual para participar do Grand Slam da Austrália de 2022. Sempre fomos claros em dois pontos: aprovações de vistos são uma questão para o Governo Federal, e isenções médicas são uma questão para os médicos", disparou.

Apesar do recuo das autoridades do estado da Victoria, tudo indica que a Força Federal de Fronteira australiana autorizará o desembarque do tenista, pois, a jurisdição de permissão de entrada no país confere-se apenas pelo governo federal.


banner
banner