X

Thiem diz que qualquer conquista pós US Open será bônus

Sexta, 25 de setembro 2020 às 17:35:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Vindo de seu primeiro título do Grand Slam, no US Open, o austríaco Dominic Thiem conversou com jornalistas em sua primeira coletiva em Roland Garros e apontou todo o favoritismo para o espanhol Rafael Nadal no torneio.



Ao ser questionado sobre como está para o torneio após vencer o US Open, Thiem declarou: "Eu me sinto bem, consegui um dos meus grandes objetivos. De certa forma, tudo o que vier de agora é um bônus, mas por outro lado quero sempre ir muito bem em todos os torneios que jogo. na quadra de Suzanne Lenglen me senti muito bem com as condições e com o saibro. Tentei não pensar muito no US Open e encarar este torneio como um novo evento, um novo desafio".

Questionado se neste ano, com outro clima em Paris e uma nova bola, Rafael Nadal terá mais trabalho no torneio, Thiem que já perdeu duas finais ali para o espanhol comentou: "Em primeiro lugar, acho que ele sempre será o grande favorito quando jogar aqui, contanto que esteja saudável e em forma. Ele ganhou este torneio 12 vezes, ele é incrível e é de longe o melhor jogador de quadra de saibro de todos os tempos. Claro, existem algumas mudanças. A bola é um pouco diferente. Os anteriores eram perfeitos para o meu jogo, giraram bastante e acho que o Rafa gostou deles também. Além disso, pode haver muita chuva e muito frio, o que ainda torna as coisas difíceis para ele", iniciou.

"Eu não me importo. Talvez as condições sejam um pouco melhores para Novak (Djokovic). Para mim, Rafa é o principal favorito por tudo o que eu disse antes, então Novak vai por seus títulos e por sua experiência. Suponho que mais tarde estou, ao lado de jogadores como Daniil (Medvedev), Sascha (Zverev) ou Stefanos (Tsitsipas)", finalizou.

banner
banner