X

Murray vira sobre Opelka e vai à final em Sidney, a 1ª em 2 anos

Sexta, 14 de janeiro 2022 às 06:40:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O ex-número 1 do mundo e atual 135º, Andy Murray, está de volta a uma final em nível ATP após dois anos. Murray conquistou uma belíssima virada sobre o americano Reilly Opelka, 25º, pela semifinal do ATP de Sidney, na Austrália.



Para vencer seu segundo top 30 na semana, Murray precisou de 2h27 para fehcar o placar em 6/7 (6) 6/4 6/4 tendo disparado 16 aces contra 20 do grandalhão americano, que cometeu as quatro duplas-faltas do jogo e venceu 76% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 88% de aproveitamento de Murray.

O primeiro set foi bastante equilibrado, com os dois tenistas sacando muito bem e Murray buscando alongar trocas em seus games de devolução para desgastar o rival. A parcial seguiu sem chances de quebra e foi decida no tiebreak, em que Opelka chegou a abrir 5/2 se complicou, mas fechou em erro do escocês.

Murray manteve a tática de jogo e conquistou quebra já no 3ºgame da segunda etapa, abriu 3/1 e administrou.

Já no set decisivo, o jogo seguiu muito equilibrado com os tenistas salvando breakpoints, até que Murray conquistou a quebra no 9º game trabalhando com backhand e savou para o jogo.

Campeão de um torneio ATP pela última vez em setembro de 2019 na Antuérpia, Murray busca seu 47º da carreira contra o vencedor do duelo entre o principal favorito em Sidney, o russo Aslan Karatsev e o britânico Daniel Evans.

banner
banner