X

Murray ironiza político britânico que defendeu Djokovic

Domingo, 09 de janeiro 2022 às 21:09:52 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Após Nigel Farage, um dos líderes da ideia de saída da Grã-Bretanha da União Europeia, o chamado Brexit, defender Novak Djokovic e dizer que o tratamento dado ao sérvio pela Austrália não vem sendo correto, Andy Murray se manifestou.



Leia mais:

Líder do Brexit sai em defesa de Djokovic
O britânico ironizou a afirmação de Farage de que estava em contato próximo com a família de Novak. "Grave o estranho momento em que você contar para eles que passou parte de sua carreira fazendo campanha pela deportação dos povos do Leste Europeu", escreveu o tenista, em suas redes sociais.

A afirmação de Murray se deu como resposta a uma nova postagem de Farage, na qual o político publicou um vídeo na sala de troféus com o irmão de Nole, Djordje Djokovic.

O caso do número 1 do mundo tem sua audiência sendo realizada na manhã desta segunda-feira (10), na Austrália (noite de domingo e madrugada de segunda no Brasil).

O dono de 20 Slams tenta reverter a decisão do governo, que não liberou sua entrada no país após ele não dar elementos suficientes para comprovar porque não se vacinou contra a covid-19, exigência dos australianos para entrada para a disputa do primeiro Major do ano.

banner
banner