X

Com essas chantagens Djokovic não deve ir a Austrália, diz pai

Domingo, 28 de novembro 2021 às 14:11:29 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O senhor Srdjan Djokovic, pai do número 1 do mundo Novak Djokovic, concedeu uma entrevista ao programa de TV sérvio Prva onde indico que o filho não aceitará as normas impostas pelo governo australiano e deverá ficar foda do Australian Open 2022.



“No que se refere aos vacinados e não vacinados, é um direito pessoal de cada um decidir se quer ser ou não receber a vacina. Ninguém tem o direito de invadir a intimidade das pessoas, está garantido pela constituição. Todo mundo tem direito de decidir sobre a própria saúde”, afirmou o pai do número 1 do mundo.

Srdjan ainda reforçou que desconhece a decisão de seu filho quanto à vacinação e defendeu ser de direito exclusivo dele. “Também não conheço qual será sua decisão e se soubesse não compartilharia com vocês. Ele tem o direito de decidir como quiser”.

 

Quanto à questão da Austrália, o patriarca não poupou críticas. “Foi constrangedor por causa do anúncio daqueles governantes nas províncias da Austrália, que se deram o direito de nomear o nove vezes campeão da Austrália”.

“Se ele vai aparecer lá (na Austrália) depende de como se posicionarão. Do fundo do coração, ele gostaria de jogar porque é um atleta. Nós adoraríamos isso também, mas sob essas chantagens e condições, ele provavelmente não o fará. Eu não faria isso, mas é Novak que vai decidir por si”.

banner
banner