X

Zverev: 'Disse a Djokovic que ele é o maior de todos os tempos'

Sexta, 30 de julho 2021 às 12:55:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Alexander Zverev está muito orgulhoso de ter batido pela terceira vez na carreira o número 1 do mundo, o sérvio Novak Djokovic, e desta forma garantir uma medalha para a Alemanha. Zverev revelou que disse ao sérvio que o acha o maior de todos.



Zverev, que conquistou a vitória de virada, após ser dominado no primeiro set, comentou que não se viu jogando mal, pelo contrário, porém, "o jogo estava acontecendo como ele (Djokovic) queria, longas trocas e sem conseguir efetivar as bolas vencedoras. Como disse, estava jogando bem, mas contra um jogador como Djokovic isso não era suficiente. Por isso, tentei mudar meu foco e finalmente consegui voltar e alcançar uma das minhas melhores vitórias como tenista profissional", pontuou o alemão que já havia vencido o sérvio nas finais do Masters de Roma (2017) e no final do ATP Finals (2018).

O fato de ter se garantido na final e por consequência uma medalha, ouro ou prata, deixa o jovem de origem russa feliz: "Estou muito orgulhoso de ter conquistado uma medalha para a Alemanha. Este é um dos melhores momentos da minha carreira, talvez o melhor de todos. Desta vez, não estou jogando apenas para mim ou para minha família, mas também pelos demais atletas presentes aqui e para quem está assistindo de casa. As Olimpíadas são o maior evento esportivo do mundo. Nós trinamos apenas um esporte, mas jogar um evento tão grande como este é incrível".

Por fim, Zverev foi questionado sobre o que falou ao sérvio na rede ao cumprimento final da partida: "Eu disse a ele que é o maior tenista de todos os tempos. Mais cedo ou mais tarde ele se tornará o tenista com mais Grand Slams, com mais Masters 1000 e continuará a ser o jogador com o maior número de semanas como o número 1. Tenho 99% de certeza que será o GOAT (maior de todos os tempos). Sei que estava tentando conseguir o Golden Slam (vencer no mesmo ano os quatro torneios do Grand Slam e o ouro Olímpico), mas no tênis, como em qualquer outro esporte, nem sempre é possível vencer. Fico feliz em ser capaz de derrotá-lo e seguir avançando no torneio", finalizou.

banner
banner