X
banner

Wimbledon contemplará 8 brasileiros. Monteiro e Wild recebem maiores valores

Sexta, 10 de julho 2020 às 10:37:29 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Ariane Ferreira - A decisão de Wimbledon em pagar a premiação total programada para a edição 2020 beneficiará oito tenistas brasileiros, que de acordo com o ranking congelado pela ATP em 16 março jogariam o torneio.



Leia mais:

Wimbledon distribuirá R$ 68 milhões da premiação de 2020 a 620 tenistas

Wimbledon altera sistema de cabeças de chave para edição 2021

Wimbledon determinou que os 256 jogadores das chaves principais de simples feminino e masculino, receberão £25.000, equivalente a R$ 168.990. Estes valores serão pagos a cada um dos 128 primeiros jogadores do ranking, desta forma o cearense Thiago Monteiro, 82º do ranking mundial, e o paranaense Thiago Seyboth Wild, 114º, são os contemplados neste nível.

O torneio ainda definiu que outros 224 jogadores, que disputariam os torneios qualificatórios, vão receber cada um £12.500, cerca de R$ 84.490. Os valores destinados a 112 jogadores de simples no feminino e masculino, entre 129º e 240º de cada ranking, contemplará o mineiro João Menezes, 185º da ATP, e a gaúcha Gabriela Cé, 232ª da WTA.

Os 60 primeiros duplistas dos ranking feminino e masculino também serão pagos pela AELTC, que destinou o valor de  £6.250, equivalente a R$ 42.250, a cada atleta. Nesta lista estão inclusos os mineiros Marcelo Melo, 5º da ATP em duplas, Bruno Soares, 25º, e o gaúcho Marcelo Demoliner, 48º, além da paulista Luisa Stefani, 42ª de duplas da WTA.

banner
banner