X

Principais nomes do Beach Tennis ironizam programa de ajuda da ITF

Domingo, 14 de junho 2020 às 15:31:43 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Mais de vinte atletas, que conta com vários dos principais nomes do Beach Tennis membros da ABTP, Associação de Jogadores de Beach Tennis, ironizaram o programa de ajuda da Federação Internacional de Tênis.



Leia Mais:

Jogadores não podem ser ignorados, lamenta número 1 do mundo

ITF anuncia aporte de US$ 5 mil para cada federação nacional 

CBT anuncia protocolo de retorno ao Beach Tennis

 

Foto: Michele Capeletti / Maniacs Roupas Esportivas

 

No meio da semana, a ITF divulgou carta aos atletas informando que o Player Relief destinaria uma média de pouco mais de US$ 5 mil a todas as federações nacionais para realizações de torneios, uma ajuda perto dos US$ 1,5 milhão no total.

"Reconhecimento

 

Sobre o programa de ajuda da ITF aps jogadores de Beach Tennis. Esse release oficial é um manifesto claro e manifesto das prioridades e valores da ITF. Não há menção aos jogadores de Beach Tennis, mas estamos agradecidos por lermos pelo menos duas linhas mencionando o Beach Tennis. 

 

Como Associação de Jogadores de Beach Tennis, nós compartilhamos nosso conhecimento por tão grande ajuda financeira aos atletas do nosso esporte.

 

Agora definitivamente sabemos  o que esperar e o que não esperar do presente e do futuro dos atletas e do esporte Beach Tennis.

 

Nossos cumprimentos, 

 

ABTP".

 

Membros da ABTP queriam ajuda mais direta aos atletas com isenção do IPIN (US$ 30 anuais) e isenção de taxa aos organizadores, mas não foram atendidos. Eles reclamam de terem perdido toda a rendaproveniente dos torneios que disputam e também das aulas e clínicas que não podem mais dar pelo fechamento das praias.  Dias antes do anúncio da ajuda da ITF, Alessandro Calbucci, número 1 do mundo e maior jogador de Beach Tennis quando o esporte se mudou para a ITF a partir de 2008, escreveu uma carta lamentando a falta de ajuda da entidade.

 

A ABTP conta não só com Calbucci, mas o número dois do mundo, Michelle Capelleti, segundo do mundo, Antomi Ramos, da Espanha,quarto do ranking, Tomaso Giovannini, quinto do ranking, André Baran, brasileiro, sexto do ranking, Marco Garavini, oitavo, Gerar Querol, espanhol, 10º colocado, Aksel Samardzic, de Aruba,11º, Theo Irigaray, 12º e francês, Ramon Guedez, venezuelano, 13º,os italianos Doriano Beccacioli e Davide Benussi, 14º e 15º, Mikael Alessi, 18º, Nicolas Gianotti, francês, 20º, Daniel Schmitt, brasileiro, 21º, Nicola Strano, italiano, 22º, Manuel Ringlstetter, 28º, alemão, Maksimilians Niklass Andersons, letão, 29º, Andrea Stutto, 30º, Ralff Abreu, brasileiro, 31º, Allan Oliveira, 26º, Vinicius Chaparro, brasileiro, 39º, Vladmir Helmur, portorriquenho, 46º, e Luiz Gimpel, 78º.

 

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

#beachtennis

Uma publicação compartilhada por Association of BeachTennis Pro (@abtp.official) em

banner
banner