X

Com Monteiro, Bia Maia, Menezes e Orlandinho, Itajaí recebe melhores do país

Quinta, 11 de junho 2020 às 18:34:59 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A ADK Tennis, no Itamirim Clube de Campo, em Itajaí (SC), se tornou o polo nacional recebendo vários dos melhores do país para período de treinamentos antes da retomada do circuito que acontecerá em agosto ou setembro. Parceria com a Confederação Brasileira de Tênis.



A ADK Tennis e o Itamirim Clube de Campo receberam o reforço para os treinos de nomes como Thiago Monteiro (82º), número 1 do Brasil, Beatriz Haddad Maia (286ª colocada) e que foi top 60 em 2017, Felipe Meligeni, 349º colocado, Carol Meligeni, 402ª colocada, e Ingrid Martins, 539ª colocada. Estes atletas se juntam a João Menezes, 185º e terceiro do Brasil, Orlando Luz, 301º, João Sorgi, ex-top 10 juvenil e atual 646º, e Igor Marcondes, 806º. A ADK Tennis/Itamirim/CBT agora tem três dos dez melhores do Brasil no masculino e mais três do top 10 do feminino.

Patrício Arnold, que comanda a ADK Tennis, destacou a importância da parceria e presença de grandes nomes do tênis: "Nós da ADK Tennis e Itamirim estamos muito satisfeitos com essa parceria com a CBT que nos dá a possibilidade de ter jogadores de todo o Brasil de frequentar nosso Centro de Treinamento que é focado na alta performance . Nessa semana estamos com seis atletas fixos e estamos com atletas itinerantes que vêm de outros Centros do Brasil com seus treinadores. Esse conjunto de fatores faz com que aqui todos possam desenvolver suas atividades em alto nível. A estrutura do Itamirim é fundamental para isso e certamente a parceria com a CBT faz tudo isso poder acontecer", disse o comandante que conta com os apoios dos treinadores Luiz Peniza e Roberto Carvalho além de Narciso Barbosa na preparação física.

Thiago Monteiro soma este ano parou nas quartas do ATP de Buenos Aires, na Argentina, e Santiago, no Chile. O circuito ATP é o de mais prestígio no tênis mundial masculino. Foi ainda campeão do challenger de Punta del Este, no Uruguai.

"Gostaria de agradecer essa parceria com a CBT que me proporcionou estar aqui treinando com a equipe ADK, muito feliz de voltar às quadras e poder fazer os treinos em alta intensidade com um nível muito bom de jogadores, muito feliz e motivado para voltar ao ritmo e força que estava .Agora com toda essa expectativa se o circuito vai voltar ou não, é importante estar se adaptando às rotinas novamente, espero que o circuito possa voltar com boas condições para todos e que as entidades tomem as melhores atitudes para que possamos jogar com segurança", disse Monteiro.

Beatriz Haddad Maia fez segunda rodada de Wimbledon, torneio mais tradicional do esporte, ano passado derrotando a ex-número 1 e campeã do torneio, a espanhola Garbiñe Muguruza, atingiu o 58º lugar em 2017, foi vice-campeã no WTA de Seul, na Coreia do Sul naquele mesmo ano, e marcará seu retorno às quadras.

"A CBT abriu as portas aos atletas aqui com o Itamirim e ADK. Em São Paulo as coisas estão ainda muito fechadas para podermos voltar. O circuito feminino está planejado para voltar em 3 de agosto,está sendo muito importante estar nesse ambiente competitivo que é onde sentimos mais falta . Estou muito feliz de voltar às quadras, meu primeiro treino foi com o Thiago (Monteiro), sentir o ácido lático de novo (risos) . Estaremos com as meninas e o meninos treinando forte, ainda sem uma confirmação da volta do circuito, é difícil dizer quando voltaremos a jogar, mas estamos juntos e animados, agora é pensar positivo que passaremos por isso logo, todo o Brasil estará mais unido para seguir nessa pós-pandemia. Obrigado CBT e ADK/Itamirim por nos receber tão bem", detalhou a paulista que comemorou o primeiro treino.

“Foi um dia de muita felicidade. Não foi um treino de 1000 correções, foi um treino de sensações boas. Em vários momentos de treino me senti arrepiada e muito grata por estar treinando novamente. Desde quando fui liberada estava com essa chama dentro de mim, muito focada no físico, no corpo. Foi esse sentimento que eu levei para a quadra, dando valor a cada batida na bola.”

Felipe Meligeni, sobrinho de Fernando Meligeni, brilhou no começo de temporada após vencer um set e dar calor no número 3 do mundo, o austríaco Dominic Thiem, durante o Rio Open, torneio ATP 500 no Rio de Janeiro. Thiem vinha de final no Australian Open, um dos quatro Grand Slams do tênis.

"Queria agradecer a CBT/ADK/Itamirim pela oportunidade e disponibilidade de estar treinando aqui.Os treinos têm sido bons, muita gente boa pra treinar e agora só preparar para voltar a jogar", disse o campineiro: "Estou bem ansioso para voltar a competir. Estou com expectativa alta, me preparando muito bem independente de não saber quando iremos voltar, mas estou treinando forte e quando voltar estarei bem preparado. É seguir de cabeça erguida e o mais motivado possível".

Irmã de Felipe, Carol Meligeni é a quinta do Brasil no ranking feminino e ano passado ficou com o Bronze nas duplas nos Jogos Pan-Americanos em Lima, no Peru, e foi quarto lugar na disputa de simples. É titular do time brasileiro da Fed Cup, a maior competição de nações do tênis feminino.

"Queria agradecer a CBT e ADK por me possibilitar voltar aos treinos. Minha expectativa é muito alta, sempre difícil e estranho treinar sem ter um norte, sem saber quando é a próxima competição, estou treinando firme e espero que volte o mais rápido possível", destacou.

A carioca Ingrid Martins vinha em bom começo do ano com dois títulos no México e soma seu melhor ranking: "Estou com muita vontade de competir, não vejo a hora de viajar, voltar ao normal com os torneios. A saúde fica sempre em primeiro lugar então precisamos esperar. Espero voltar a jogar ainda esse ano, mas a decisão é da WTA e eu como jogadora manterei minha rotina, treinarei forte com a certeza de que quando decidirem que vai voltar, estarei pronta."

A ADK Tennis já contava desde maio com a presença de João Menezes, campeão Pan-Americano em Lima e por enquanto o único brasileiro com vaga garantida nos Jogos Olímpicos de Tóquio, que ficou para julho de 2021.

O mineiro de Uberaba comentou: "Queria agradecer a CBT pela parceria com o Itamirim e ADK por nos proporcionar quadras, academias, bolas e além disso uma equipe de treinadores muito competentes que pode nos auxiliar nessa volta. Estamos na expectativa para saber do calendário que será definido pela ATP e venho treinando duro aqui Minha opinião, só uma opinião, é que os grandes torneios retornam, mas os menores fiquem para o ano que vem."

Assim como Menezes, Orlando Luz, 301º colocado e ex-número 1 do mundo juvenil, também estava treinando há algumas semanas com a ADK Tennis. Além de viver um bom momento em simples, o jogador vinha brilhando nas duplas. No Rio Open derrotou a melhor dupla do mundo formada pelos colombianos Juan Cabal e Robert Farah e foi finalista do forte challenger de Monterrey, no México, ambos resultados com o gaúcho Rafael Matos. Está perto do top 100 na modalidade.

"Meus treinos estão sendo bons, estamos voltando aos poucos, com todos os cuidados, distanciamento, duas pessoas em quadra. Estamos podendo entrar em ritmo, muito feliz de estar aqui no Itamirim, queria agradecer a CBT e ADK por abrirem as portas para fazermos esses treinos e estarmos moldando nossos golpes para a volta do circuito. Ainda muitas dúvidas sobre o retorno do circuito, vejo mais difícil voltar tão cedo, mas torço para que retorne, se for em agosto terei mais dois meses e estarei em boa forma para competir," disse o gaúcho de Carazinho.

O clube tem ainda presença de outros nomes como Igor Marcondes e João Pedro Sorgi que iniciaram seus treinamentos no fim de abril além do juvenil de destaque, João Loureiro.

A equipe ADK Tennis/Itamirim Clube de Campo conta com o patrocínio da Taroii Group e Promenac Veiculos, os co-patrocínios da EGA Logistica/Unimed Litoral /Fort Atacadista e parcerias da FMEL - Fundação Municipal de Esporte e Lazer Itajaí, Confederação Brasileira de Tênis e Federação Catarinense de Tênis

banner
banner