X

Nadal e Federer eram contra projeto de Djokovic, garante Pospisil

Quarta, 06 de maio 2020 às 17:24:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O canadense Vasek Pospisil, participou da programação do canal canadense TSN no qual falou muito sobre os processos de mudanças, incluindo uma possível fusão entre as associações ATP e WTA e revelou que Rafael Nadal e Roger Federer se opuseram a proposta de Novak Djokovic.



Pospisil começou falando sobre a dificuldade do circuito em se re-organizar após a crise da COVID-19 e tornar possível a realização de seus torneios. O canadense ainda pontuou que não é justo abrir o circuito profissional com a impossibilidade de 100% dos atletas de todo o mundo poderem competir.

"Não vejo possível. Você não pode abrir o circuito para 70% ou 80% dos jogadores ou menos. Não faz sentido. Se o esporte que se manter diante dos olhos dos fãs,você precisa dos torneios, mas isso conta pontos de ranking. Não vejo possível", opinou.

Em dado momento da entrevista, Pospisil revela que a ideia de gerar um fundo de proteção e ajuda aos atletas de menor ranking sempre foi do sérvio Novak Djokovic e revelou uma oposição do espanhol rafael Nadal e do suíço Roger Federer.

Erámos 80 dos 100 melhores do circuito que assinamos a carta de compromisso, Novak era um de nós. Tínhamos o 'ok' de 12 dos 20 primeiros, mas quando fomos falar com Roger e Rafa eles não eram a favor", revelou.

"Na verdade, apenas queriam eles mesmos e falar com os Grand Slams, o que é algo que ia contra a essência do que estávamos tentando fazer. É uma pena para ser sincero, já tive grandes conversas com Roger, gosto muito, ele é um grande cara e apoiou totalmente o conceito. Ele está de acordo com muitos dos problemas, mas ao fim não apoioi o movimento original. Isso desacelerou um pouco, mas no fim, a maioria é mais poderosa que dois jogadores", seguiu.

Confira na íntegra a entrevista:

banner
banner