X

Aos 35 anos, Darcis dá adeus ao tênis profissional na Antuérpia

Terça, 15 de outubro 2019 às 16:30:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O belga Steve Darcis, 179º do ranking da ATP, de 35 anos, se retirou oficialmente do tênis profissional após ser derrotado pelo francês Gilles Simon, 47º, por 6/1 6/2 em 1h06 de partida na estreia do ATP 250 da Antuérpia.



Ex-top 38 da ATP em ranking alcançado em maio de 2017, Darcis é tenista profissional desde 2003 e possui dois títulos em nível ATP no currículo, são eles o extinto ATP de Amersfoort, na Holanda, em 2007, e de Memphis, nos Estados Unidos em 2008. Neste ano ocorreu a outra final em nível ATP alcançada pelo belga, justamente em Amersfoort.

Apesar de ambos seus títulos terem sido conquistados no saibro, Darcis sempre foi considerado pelos parceiros de circuito como um título jogador da grama. 

Filho de um treinador de tênis e uma instrutora esportiva, Darcis começou a jogar tênis aos 5 anos de idade e durante a carreira profissional foi submetido a uma cirurgia no ombro direito em outubro de 2013, ficou fora de ação por oito meses, e outras duas cirurgias no punho direito em 2015, quando perdeu toda a temporada. Em 2018, Darcis também não competiu, em razão de uma lesão no cotovelo.

Na vida pessoal, Darcis tem duas filhas, Camille de 6 anos e Ana de 2. 

Sob aplausos dos compatriota e de seu algoz, Darcis acompanhou um vídeo que resumiu sua carreira, destacada como "um jogador de Copa Davis", que levou o país para a final do torneio em 2017.

Na competição entre países, Darcis estreou em 2005 e desde então foi convocado em 23 oportunidades. São 22 vitórias em simples e 11 derrotas, além de uma vitória nas duplas e duas derrotas.

Steve Darcis é o quinto belga que mais defendeu o país no torneio, atrás de Jacques Brichant, que estreou em 1949 e disputou 42 eliminatórias; Philippe Washer, que estreou em 1946 e foi convocado 39 vezes; seu contemporâneo Olivier Rochus,  que estreou em 2000 e foi convocado 30 vezes, e de Andre Lacroix, que estreou em 1928 e foi convocado 25 vezes.

banner
banner