X
banner

'Djokovic é como uma parede', diz Kokkinakis

Segunda, 27 de junho 2022 às 20:12:47 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Após derrotar o polonês Kamil Majchrzak, Thanasi Kokkinakis comemorou o que é sua primeira vitória em Wimbledon. E agora terá o sérvio Novak Djokovic que venceu seus 22 últimos jogos no All England Club.



"Estou super feliz com o resultado, tinha muitas dúvidas antes de vir para o torneio. Não tinha certeza de como ele iria jogar, se ele acabasse fazendo isso. É minha primeira vitória em Wimbledon, não poderia estar mais feliz", disse o australiano.

“Estava na minha cabeça jogar esse jogo. Eu vi a chave. Eu não sou uma daquelas pessoas que não olha além do próximo jogo. Sabia que estava em um confronto difícil, mas sabia o que estava em jogo. Estou ansioso pela oportunidade", disse o australiano que enfrentou o sérvio em 2015 no saibro de Roland Garros: "Acho que ele tinha mais jogo e estava em melhor forma da última vez que joguei contra ele, mas era muito jovem. A grama é uma superfície na qual não me senti completamente confortável no passado, mas hoje me senti muito bem.

Obviamente, vai ser um desafio muito difícil. Provavelmente não sou o favorito, vamos colocar dessa forma. Vai ser muito divertido, vou sair e jogar o meu jogo. Ele é como uma parede, então você tem que vencê-lo, ele não vai entregar.”

Ele comentou ainda mais sobre Djokovic, além de Rafael Nadal e Roger Federer: "Joguei contra o Rafa quando tinha 17 anos, então foi há muito tempo. São jogadores diferentes, mas fazem as coisas extremamente bem. Joguei contra todos. A partida contra o Federer é a minha favorita porque fui eu que ganhei.

Novak é como uma parede. Federer joga com um pouco mais de talento. Quando joguei contra o Rafa senti que não estava no mesmo nível físico. Cada um traz algo diferente. O que se destaca em Novak na grama é sua mobilidade, parece que ele desliza na quadra. Vou ter que acertar até cinco winner para ter uma chance de ganhar um ponto."

banner
banner