X

Brasil busca vagas no Mundial de 2022 de Cadeira de Rodas

Quinta, 30 de setembro 2021 às 18:12:49 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A Copa do Mundo de Tênis em Cadeira de Rodas está na reta final. Nesta sexta-feira, na Itália, o Brasil volta às quadras na cidade de Alghero em busca da classificação de duas de suas equipes para o Mundial de 2022: nas categorias júnior e quad.

 



Na categoria Júnior, o Brasil enfrentará a Turquia e precisa da vitória para confirmar a segunda colocação do grupo, o que será suficiente para carimbar o passaporte para a competição do ano que vem. Em caso de derrotas, dependerá de uma combinação de resultados. Nesta quinta-feira, os juvenis do país perderam para o Japão, favoritos ao título, por 3 partidas a 0, com as vitórias de Yudai Kawai sobre César Adolfo (duplo 6/1), Tokito Oda sobre Jade Lanai (duplo 6/0), e de Tokito Oda / Shogo Takano sobre Adolfo/Lanai (6/1 e 6/0).

 

A categoria quad enfrentará a Turquia nesta sexta-feira e quem vencer avança de fase para disputar a 5ª/6ª posição, e quem perder vai para o cruzamento de 7º/8º. Classificam-se para o Mundial de 2022 os seis primeiros colocados na categoria. A equipe nacional é representada por Ymanitu Silva (8º do ranking mundial), da ADK Tennis, Augusto Fernandes (31º) e Leandro Pena (62º).

 


Já classificada para o Mundial do ano que vem, a equipe feminina do Brasil enfrentou a Alemanha nesta quinta-feira e foi superada por 2 a 1. A jovem Maria Fernanda Alves começou o dia com vitória sobre Britta Wend por 7/5 e 6/4, mas Katarina Kruger devolveu a derrota com o triunfo sobre Meirycoll Duval por 6/1 e 6/2. Nas duplas, a parceria alemã levou a melhor por duplo 6/3. Com o resultado, as brasileiras enfrentam nesta sexta-feira a equipe russa na disputa do 7º/8º lugar.

 


A equipe masculina do Brasil nesta quinta-feira foi superada pelo Sri Lanka por 3 a 0, com as derrotas de Gustavo Carneiro para Gamini Dissanayake (duplo 6/4), de Daniel Rodrigues para D S R Dharmasena (duplo 7/5) e de Felipe Santana/Bruno Makey para Gamini/Ranaweeta (duplo 6/1). O resultado obriga o time brasileiro a vencer a Áustria, no sábado, para fica com a vaga para 2022.

 


A Copa do Mundo por Equipes é um evento anual do circuito internacional de Tênis em Cadeira de Rodas, e neste ano é realizada em Alghero, na Itália. Participam do torneio cerca de 150 atletas de 23 países. O Brasil é um dos quatro países com representantes em todas as categorias da competição.

banner
banner