X

Balanço Positivo na Rota do Sol

Sexta, 29 de janeiro 2021 às 13:08:44 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Carlos Omaki - Todos os anos nos meses de férias , especialmente em janeiro o circuito Infanto-juvenil de tênis da o seu grande arranque, em circuitos espalhados pelo país. Muito provavelmente sejamos a modalidade que mais se movimenta nesse momento , mais até que o futebol.



Acesse o site Omaki Tênis

 

Para nós do COT, é muito importante não deixar que nossos atletas iniciem o ano muito para trás no ranking brasileiro e assim possam competir nos torneios e circuitos maiores ao longo da temporada. Porém, com toda a nossa experiência, sabemos que estes pontos para o ranking nacional, não devem custar o não aproveitamento das férias dos atletas, a sensação de férias “perdidas” em função do esporte.
Assim sendo, há muito anos nós montamos nossos grupos e arrancamos para alguns dos circuitos.
A Rota do Sol ou Circuito Nordeste, como é chamado, é sem dúvidas o nosso destino favorito, principalmente por ser um roteiro mundialmente atraente turisticamente.
Por mais que os atletas tenham compromissos (jogos e treinos), durante todo o período de viagem, somente as paisagens e a viagem em grupo, a convivência e os poucos e curtos passeios ou mergulhos nas águas quentes nordestinas, já permitem atingirmos nossos objetivos e fazê-los voltar para casa com os indispensáveis pontos, mas com a sensação do aproveitamento de ótimas férias.
Em 2021, nosso grupo foi composto por 18 atletas (Pedro Sorio, Ricardo Righetto, Luna Guarda,Caio Campos, Eduardo André, Lucas Saudino, Beatriz Ibrahim, Giulia Cavalcante, Nicole Righetto, Raissa Gallego, Arthur Caldeira, Guilherme Caldeira, Enzo Guarda, Bernardo Costa, Stephan Koelle, Gabriel Leal, Arthur Vicente e Renato Prado) e 3 integrantes da equipe técnica (Carlos Omaki, Marina Danzini e Arthur Moutinho). O mais jovem, com apenas 10 anos ainda e o mais experiente com 17.
Meninos e meninas de diferentes faixas etárias, convivendo em um ambiente extremamente familiar e de respeito. Um exercício muito especial em uma sociedade e para uma geração tão autocentrada e individualista.
Para este evento os atletas/jovens se prepararam rigorosamente técnica, física e mentalmente por aproximadamente 30 dias, sendo vinte em dezembro e dez em janeiro.
Preparação em meio às férias, no momento em que podemos aproveitar o tempo disponível deles para intensificar os treinos e tirar o melhor proveito para cada um, sem precisar concorrer com suas agendas de pequenos executivos do cotidiano.
Este ano, nossos atletas atingiram 31 finais com 15 títulos e 16 vice-campeonatos.
Resultados que colocam vários de nossos atletas nas primeiras posições do ranking nacional, mas que principalmente os colocam no topo da lista dos mais felizes e dispostos a trabalhar e seguir o ano do país.

 

Resultados


LUNA GUARDA(12F)
Simples:
Campeã em Aracaju
Vice-campeã em Maceió
Vice-campeã em Recife
Vice-campeã em Natal
Duplas
Campeã em Maceió
Campeã em Recife
Campeã em Natal

NICOLE RIGHETTO (18F)
Simples:
Campeã em Maceió
Campeã em Recife
Campeã em Natal
Duplas:
Campeã em Maceió
Campeã em Recife
Vice-campeã em Natal

BEATRIZ IBRAHIM(18F)
Simples:
Campeã em Aracaju
Vice-campeã em Recife
Duplas
Campeã em Recife
Campeã em Natal

GIULIA CAVALCANTE (18F)
Simples:
Vice-campeã em Aracaju
Vice-campeã em Maceió
Duplas:
Campeã em Maceió
Campeã em Natal

RAISSA GALLEGO(18F)
Duplas
Vice-campeã em Natal


RICARDO RIGHETTO (12M)
Campeão de simples em Recife

STEPHAN KOELLE (18M)
Simples:
Vice-campeão em Maceió
Duplas:
Vice-campeão em Recife

GABRIEL LEAL(18M)
Simples:
Vice-campeão em Aracaju
Duplas:
Vice-campeão em Recife

RENATO PRADO (18M)
Duplas:
Vice-campeão em Aracaju
Vice-campeão em Maceió

ARTHUR VICENTE(18M)
Duplas:
Vice-campeão em Aracaju
Vice-campeão em Maceió

 

Sobre Carlos Omaki

Carlos Omaki é treinador de tênis há 38 anos. Uma das referências do tênis nacional, dono de duas premiações como Melhor Técnico das categorias de base do Tênis brasileiro, é proprietário da COT (Carlos Omaki Treinamento) tendo equipes na Academia Paulistana de Tênis, Club Athletico Paulistano e Tênis Club Paulista e com seu staff de treinadores cuida de cerca de 500 atletas na cidade de São Paulo.

Como treinador, participou não só dos começos de carreira não só de Luisa Stefani, mas também de Bia Haddad Maia, ex-top 60 mundial, e muitos outros.

banner
banner