X

Kyrgios ironiza Rudeski ao falar sobre 'riscos' assumidos por atletas

Quarta, 17 de junho 2020 às 09:30:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O australiano Nick Kyrgios segue incomodado com a realização do US Open 2020 e desta vez se indispôs com o o ex-top 4, o britânico Greg Rudeski, ironizando a razão de sua aposentadoria para contrapor o argumento do agora comentarista a respeito de riscos.



Rudeski, que passou as últimas semanas pedindo pela realização do US Open, utilizou sua conta no Twitter para comentar a respeito da reclamação de muitos atletas após as primeiras notícias a respeito da organização do Slam nova-iorquino.

"Como tenista, você é um profissional independente. Você tem a opção de jogar ou não. A vida sempre foi sobre risco e recompensa. A USTA (federação norte-americana) está fazendo o US Open o mais seguro possível para todos os jogadores. Mal posso esperar para a temporada de tênis recomeçar", compartilhou no Twitter.

Kyrgios, que é contra a realização do torneio, ironizou a opinião do agora comentarista da Amazon Prime: "Haha todos nós sabemos o pequeno risco que você tentou", ironizou em referência ao fato de Rudeski ter sido testado positivo para o uso de esteroide em um exame antidoping em 2004, quando tinha 30 anos.

Apesar dos testes, positivos em contra-prova, o ex-tenista foi inocentado no processo à época, pois sua defesa argumentou que outros seis tenistas haviam sido absolvidos e protegidos pela ATP tempos antes, ao testarem positivo também por esteroides de melhora de performance e força.

<blockquote class="twitter-tweet"><p lang="en" dir="ltr">Haha we all know the little risk you tried to take 😂 <a href="https://t.co/kFoOA08jCv">https://t.co/kFoOA08jCv</a></p>&mdash; Nicholas Kyrgios (@NickKyrgios) <a href="https://twitter.com/NickKyrgios/status/1273211955545661440?ref_src=twsrc%5Etfw">June 17, 2020</a></blockquote> <script async src="https://platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>

banner
banner