X

'Melbourne tem o pior ar do mundo', garante treinador espanhol

Terça, 14 de janeiro 2020 às 17:15:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

As cenas preocupantes da fumaça sob o complexo de Melbourne Park, na Austrália, em razão dos incêndios na região, fez com que o jornal espanhol Marca, buscar espanhóis que já estão lá para a disputa do quali do Australian Open.



O ex-top 50 e atual treinador, Daniel Gimeno Traver, que está na Austrália com o pupilo Pedro Martínez Portero, falou com o jornal:  "A primeira hora nos desaconselharam a treinar, ainda que nos deixassem entrar em quadra. Tínhamos uma concentração de 500 partículas e pare que nos deixaram quando estava a 300, ainda que 300 já era perigoso. Não temos muita informação, porque também parece que não querem que se faça grande alarme. A respeito da respiração, é possível perceber a poluição quando se respira profundamente. Melbourne tem o pior ar do do mundo", comentou

"Na Austrália estão preocupados porque a situação com os incêndios não vai melhorar. Não conseguem controlar o fogo", completou,

Já o tenista Adrián Menéndez Maceiras, que está para disputar o quali, comentou a situação nos vestiários de Melbourne Park: "Nos vestiários é possível ver o pessoal afetado, como um jogador italiano com problemas no estômago. Eu, infelizmente, não passei bem, porque tenho algum problema de asma, como outros jogadores". "Aqui há preocupação. Dão instruções de não fazer exercício no ar livre e nem sequer sair muito, mas claro se você é esportista profissional e não apenas tem de fazer isso, como tem de fazer em nível máximo", desabafou o tenista que comentou que evita competir na China exatamente pela mesma razão..

banner
banner