X

Venus e Ivanovic abrem a temporada com derrota. Wozniacki vence

Terça, 05 de janeiro 2016 às 10:32:28 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O dia pelo WTA de Auckland foi de estreias de ex-números um do mundo na temporada 2016. A dinamarquesa Caroline Wozniacki foi a primeira delas a entrar em quadra e venceu, Venus Williams e Ana Ivanovic não tiveram o mesmo sucesso.



Terceira favorita ao título, Wozniacki, atual 17ª do ranking da WTA, encarou uma partida amarrada contra a montenegrina Danka Kovinic, 57ª, e precisou de 1h25 para fechar o placar em um duplo 6/4.

O placar apertado mostra o quanto a partida foi equilibrada, já que as duas tenistas apresentam os mesmo números: cada uma converteu três aces na partida e venceu 59% dos pontos jogados com seu primeiro serviço. A diferença entre as duas esteve nos games finais de cada set. Nas duas parciais, Wozniacki abriu com quebra, mas logo cedia seus games de saque e trocou breakpoints com a montenegrina, que quebrou o serviço da dinamarquesa duas vezes em cada set, mas não segurou a pressão e perdeu, nos dois sets, os três últimos games.

Na segunda rodada da competição, Wozniacki encara a norte-americana Christina McHale que bateu a japonesa Misaki Doi por 6/2 6/4. 

Wozniacki e McHale já se enfrentaram cinco vezes no circuito profissional e a dinamarquesa tem 3/2 no confronto direto tendo vencido os dois últimos encontros.

A segunda ex-número um a entrar em quadra foi a sérvia Ana Ivanovic, 16ª, que parou no ritmo da qualifier britânica Naomi Broady, 122ª, que em 1h22 disparou 14 aces e fechou o placar em 7/5 6/4. 

A sérvia era a segunda favorita ao título do torneio neo-zelandês e vê sua algoz ir à segunda rodada contra a letã Jelena Ostapenko.

Principal favorita ao título, a experiente norte-americana Venus Williams de 35 anos e atual sétima do mundo, parou na juventude da russa Daria Kasatkina, 75ª, e de apenas 18 anos. As duas encararam uma batalha de 2h15 onde a russa levou a melhor com o apertado placar de 6/7 (4) 6/3 6/3 tendo convertido um ace contra seis da norte-americana, que teve 65% de aproveitamento de seu primeiro serviço contra 66% da russa.

Após conquistar a maior vitória de sua carreira, Kasatkina vai à segunda rodada onde encara a japonesa Nao Hibino.

banner
banner