X

Ministro avisa Djokovic: 'Se não der provas, Djokovic volta no próximo avião'

Quarta, 05 de janeiro 2022 às 11:43:45 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Em entrevista à agência Reuters, o primeiro ministro australiano Scott Morrison avisou que caso Novak Djokovic não apresente provas sobre sua entrada no país, será deportado. Horas após a declaração, o sérvio foi retido no aeroporto com problemas no visto.



Leia Mais:

Número 1 é retido no aeroporto após problemas com visto

Djokovic vira meme após ser retido no aeroporto

"Esperaremos sua chegada e suas provas que nos entregue para essa isenção médica. Se essas provas não forem suficientes, não será tratado de forma diferente de ninguém e terá que voltar para casa no voo seguinte. Não teremos regras especiais para Djokovic. Deve mostrar as provas que certifiquem que é válido receber essa isenção", disse Morrison. 

banner
banner