X

Zormann derrota argentino e decide título com Gutierrez, em Brasília

Sábado, 12 de maio 2018 às 18:15:01 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Os brasileiros Marcelo Zormann e Oscar Gutierrez venceram de virada e duelam pelo título da segunda etapa do Circuito Internacional de Tênis, apresentado pelo Santander por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte. O confronto decisivo do evento de US$ 15 mil em prêmios acontece neste domingo (13), às 10h30, no Clube do Exército. Zormann, de 21 anos, joga por seu quarto título de Future e Gutierrez, de 25, tenta o primeiro troféu. A entrada é gratuita.



No duelo deste sábado entre Brasil e Argentina, Marcelo Zormann levou a melhor, após eliminar Tomas Etcheverry, de 18 anos, que já esteve entre 12 melhores juvenis do mundo, de virada, por 5/7 7/6 (4) 6/4, em partida com somente duas quebras. “Foi um dos jogos mais difíceis dos últimos tempos. Estou muito feliz. Hoje a parte mental fez toda a diferença para virar o jogo, que estava muito equilibrado, com poucas oportunidades de quebra para os dois lados. Espero conseguir manter minha energia alta e a solidez na final de amanhã”, analisa o paulista de Lins, que disputa a sexta decisão da carreira e primeira do ano.

Na segunda semifinal da rodada, em partida de muitas trocas de bolas, Oscar Gutierrez venceu Nicolas Santos, em mais uma virada, com parciais de 4/6 6/3 6/4, neste sábado. “Foi um jogo muito duro, o Nicolas treina comigo, então nos conhecemos muito bem. Cometi muitos erros no início, mas depois consegui me soltar”, conta Gutierrez. Amanhã, o gaúcho enfrenta Marcelo Zormann pela primeira vez. “Minha expectativa é melhorar a cada torneio, sem ficar pensando muito no resultado. Já disputei três finais e não consegui vencer. Espero amanhã poder corrigir os erros cometidos no passado”, comenta o cabeça de chave 5.

Com o melhor ranking da carreira, o gaúcho, 517º do mundo, vive bom momento, atingindo sua quarta decisão e primeira da temporada. Com os 10 pontos garantidos da final de simples, Gutierrez vai subir ainda mais no ranking, podendo ficar entre os 480 melhores do mundo, após duas semanas, quando os pontos serão adicionados. Além disso, Gutierrez também disputa o título de duplas, com Igor Marcondes. “Esta é uma semana especial. É a segunda vez que vou à decisão de simples e duplas. Na ocasião, acabei perdendo a final de simples e ficando com o título nas duplas. Espero poder vencer as duas finais desta vez”, relembra Gutierrez, quando avançou à final de simples e duplas, em São José do Rio Preto, em 2016.

banner
banner