X

Sete brasileiros nas quartas dos 14 anos na Copa Guga

Quinta, 15 de outubro 2015 às 20:06:59 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

No masculino, a categoria 16 anos definiu nesta quinta-feira os confrontos a serem realizados nesta sexta-feira (16) pelas quartas de final, que terá sete brasileiros e um paraguaio. O cabeça de chave número 1, Luiz Eduardo Santos (28º), derrotou Pedro Batistella, cabeça número 13 (173º), por 2 x 0, com duplo 6-2. O adversário dele nas quartas será Mateus Cardoso Alves (foto), cabeça número 6, que derrotou Rodrigo de Santis, cabeça 12, por 2 x 0, parciais de 6-4 e 6-2.



A principal surpresa da terceira rodada foi a eliminação de Mateo Barreiros Reyes, cabeça número 2 e 40º no ranking. Ele perdeu para Gabriel Ciro, cabeça 16 e 212º no ranking, por 2 x 0, com um duplo 6-2. Nas quartas, Ciro vai jogar com o paraguaio Lucas Ribas Crichigno, cabeça número 7 e 69º no ranking. A outra surpresa foi a classificação de Pedro Macchia, que eliminou o cabeça 4, Antônio Pruner Neto, por 2 x 0, com um duplo 6-4. Macchia vai jogar contra Mateus Pucinelli de Almeida, cabeça número 9 e 91º no ranking, que despachou Bruno Serra, cabeça 5 (52º), por 2 x 1, de virada, com parciais de 6-7 (2), 6-3 e 6-2.

O outro confronto das quartas será entre Rafael Serra, cabeça 8 (74º), e Lucas Dini. Rafael Serra se classificou ao ganhar de Lorenzo Lopes, por 2 x 0, com parciais de 6-1 e 6-0. E Lucas Dini conseguiu a vaga ao ganhar o confronto com Giovanni Pavin Araújo, por 2 x 1, de virada, parciais de 4-6, 7-5 e 6-4. Tanto no feminino quanto no masculino, a decisão da categoria 16 anos acontece no próximo domingo (18) e o torneio conta pontos para o circuito COSAT.

COPA DAS FEDERAÇÕES DE BEACH TENNIS COMEÇA NESTA SEXTA-FEIRA NA 7ª SEMANA GUGA KUERTEN

Entre os eventos da 7ª Semana Guga Kuerten, a Copa das Federações de Beach Tennis é a última a começar. A disputa será no masculino e no feminino, desta sexta-feira (16) a domingo (18). É a primeira vez que a Copa das Federações de Beach Tennis será disputada no Brasil e terá a participação de mais de 220 atletas, representando o Distrito Federal e mais oito Estados: Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul.

Haverá disputas por equipes e nas categorias Profissional, Amador (A, B e C), Sub 14 e mais de 45 anos. Cada equipe deverá ter uma dupla masculina e uma feminina. Em caso de empate, haverá um jogo com equipe mista para definir o vencedor. O formato de jogos é similar ao Mundial por equipes, sendo um jogo de duplas masculino e um jogo de duplas feminino. Em caso de empate, o jogo da dupla mista decide o confronto. Quando o jogo estiver 2-0, a partida de mista não será realizada.

Cada equipe precisa ter um mínimo de dois jogadores no masculino e duas jogadoras no feminino. A disputa vai distribuir troféus, além de somar pontos para o ranking nacional de beach tennis da Confederação Brasileira de Tênis (CBT). E também terá indicação para a bolsa-atleta nacional aos três primeiros nas categorias Profissional e Sub 14. Na categoria Profissional, os jogos são em melhor de três sets. E as categorias amadoras jogam apenas um set.

banner
banner