X

Radwanska pede redução do calendário e questiona 'Finals B'

Sábado, 10 de outubro 2015 às 15:13:19 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A tenista polonesa Agnieszka Radwanska, número oito do mundo, foi eliminada neste sábado na semifinal do WTA Premiere de Pequim, na China, e agora precisará de um bom resultado em Tianjin, na China, para se classificar para o WTA Finals, torneio com as oito melhores do ano.



A polonesa voltou a abrir a boca contra a entidade que cuida do tênis feminino sendo contra a participação obrigatória no WTA Elite Trophy, uma espécia de WTA Finals B para tenistas que não irão para Cingapura. A competição disputada em Zhuhai este ano reunirá dez tenistas jogando em formato round-robin.

 

"Acho que por exemplo, os Masters menores, não sei como se chama, em Zhuhai, não é algo que deveria ser obrigatório pras tenistas. Deve ser por escolha especialmente porque é logo depois de Cingapura. Faz a temporada mais, duas semanas pesa muito".

O torneio reunirá tenistas do número 9 ao 19 do mundo com uma convidada sendo todas obrigadas a jogar com duas alternates. 

A polonesa também criticou o número de pontos dados no evento: "Há muitos pontos nele. Depois de Cingapura, quem termina como número 9 e pega os 700 pontos, daí de repente você é a 9 e cai pra 12, você pensaria que terminaria no top 10. Esse tipo de coisa deveria mudar no torneio".

Radwanska, que foi número dois do mundo, reclamou esta semana do calendário extenso no circuito pedindo a redução para nove meses

 

banner
banner