X

Roig: 'Agora sim Nadal está entre os favoritos em Wimbledon'

Quarta, 06 de julho 2022 às 08:57:41 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Francisco Roig, treinador que acompanha Rafael Nadal em Wimbledon, declarou em entrevista ao site da ATP que seu pupilo está bem e que agora sim pode ser considerado um dos favoritos para Wimbledon.



Nadal disputa nesta quarta-feira as quartas de final do torneio contra o americano Taylor Fritz.

"Neste momento, o Rafa está bem. Conseguimos treinar bastante e houve dias em que jogamos até quatro horas. Quando chegamos aqui, o primeiro objetivo era competir. Estávamos cientes de como seria o tratamento dos pés apesar de Mallorca ter ido muito bem", admite um Francisco receoso no início, mas agora otimista.

"O objetivo tem sido jogar melhor a cada dia. Agora estamos nessa situação. Acho que podemos ficar satisfeitos com onde estamos agora, depois de três anos em que Rafa não jogou na grama. Quando chegamos aqui, não pensamos em vencer, mas agora estamos entre os favoritos. Estamos indo muito bem", diz Roig. Ao nível do ténis, o treinador de Rafa destaca a tranquilidade proporcionada pelos dois últimos jogos frente a Sonego e van de Zandschulp, onde se observou um Nadal muito mais agressivo, com melhores percentagens de serviço e mais adaptado à grama.

"Eu o vi muito bem nos últimos dois jogos, embora tenha sido difícil para ele fechá-los. Houve uma grande diferença em bater na bola, em dominar e andar para frente. Continuamos trabalhando dia a dia, nos dias de descanso trabalhamos para melhorar as coisas, aspectos pontuais para que depois você se sinta confiante ao tentar executá-los durante uma partida".

Nas quartas de final, Nadal enfrentará um tenista que ainda não perdeu um set neste torneio.  Taylor Fritz também não sabe o que é jogar na quadra central, mas Francis é cauteloso e alerta para o potencial do próximo adversário: "Taylor prometeu muito e hoje seu tênis cresceu bastante. Está muito bem e, sobretudo, ele se movimenta muito melhor: antes, talvez a questão da mobilidade fosse difícil para ele. Ele é muito perigoso na grama, pois a bola corre muito. Teremos que ter um dia muito bom".

banner
banner