X

Carreño: 'É um bronze, não pude dar mais, mas dei tudo de mim'

Sábado, 31 de julho 2021 às 07:35:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Ainda em quadra, poucos minutos após bater o número 1 do mundo Novak Djokovic, o espanhol Pablo Carreño Busta concedeu uma entrevista ao canal Eurosports e muito emocionado dedicou a medalha de bronze a todos os que o apoiaram e acreditaram.



"Acho que esta é a maior conquista da minha vida", iniciou o espanhol. "Depois da derrota de ontem, senti todo o apoio e carinho das pessoas. entendi que tinha que dar tudo de mim outra vez", confessou.

Pontuando sobre a partida contra Djokovic, Carreño reconheceu: "Depois de perder o segundo set, acho que todo mundo pensou que tinha acabado", disse sorrindo. "Mas eu consegui me recuperar, era preciso por toda a Espanha que tanto tem me apoiado. As emoções que senti essa semana é algo incrível", completou.

"É um bronze, não pude dar mais, mas dei tudo. E tomara que isto tenha podido compensar todo o carinho que recebi", concluiu emocionado o tenista oriundo das Astúrias.

banner
banner