X

Sinner é o mais jovem italiano na história em uma final ATP

Sexta, 13 de novembro 2020 às 12:06:57 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Aos 19 anos e 2 meses, o italiano Jannik Sinner, 44º da ATP, tornou-se o mais jovem tenista de seu país a disputar uma final em nível ATP. Sinner alcançou sua primeira final 6 anos mais novo do que Fabio Fognini em sua primeira final em nível ATP.



O levantamento histórico foi feito pelo bloqueiro argentino Ariel Fernandez e aponta que Sinner, aos 19 anos e 2 meses, está à frente de Caulio Pistolesi que aos 19 anos e 7 meses, no ano de 1987, chegou à final do ATP de Bari, na Itália, onde foi campeão.

O terceiro da lista é Francesco Cancelotti, que aos 20 anos e 3 meses, foi à final do ATP de Florença em 1983, mas ficou com o vice-campeonato ao ser derrotado pelo norte-americano Jimmy Arias. Na sequência está Stefano Pescosolido, que aos 20 anos e oito meses foi campeão do torneio de Scottsdale, no Texas, em 1992. Completa a lista o atual CEO da ATP, Andrea Gaudenzi, que enquanto jogador, aos 20 anos e 11 meses foi vice-campeão do ATP de Sttutgart, na Alemanha, ao ser derrotado pelo espanhol Alberto Berasategui. O primeiro título em nível ATP só viria a Gaudenzi quatro anos depois.

Comparando com os mais bem sucedidos italianos da atualidade, Sinner está quase 6 anos adiantado em relação a Fabio Fognini, que disputou aos 24 anos e 11 meses sua primeira final ATP em Bucareste, na Romênia, em 2012. O primeiro título de Fognini veio no ano seguinte, na disputa em Stuttgart.

Já Matteo Berrettini, chegou a sua primeira final aos 22 anos e 3 meses, em 2018, quando conquistou o título do ATP de Gstaad, na Suíça.

 

banner
banner