X

Pliskova vence batalha com Mladenovic e Rep.Tcheca faz 1x0 na final da Fed Cup

Sábado, 12 de novembro 2016 às 15:14:08 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A número um da República Tcheca, Karolina Pliskova, sexta do ranking da WTA, encarou uma batalha de 3h48 para superar a torcida e a número dois fracensa e 42ª do mundo, Kristina Mladenovic, no jogo inaugural da grande final da Fed Cup 2016.



Pliskova precisou das 3h48 para fechar o placar em 6/3 4/6 16/14 tendo convertido nove aces contra dez de Mladenovic, que cometeu 60 erros não-forçados contra 41 da tcheca, que longe do seu auge físico na temporada sofreu, não impôs seu jogo agressivo e disparou 33 bolas vencedoras contra 46 da francesa.

No primeiro set, Pliskova começou firme, conquistou a quebra de saque no terceiro game, mas viu a francesa reagir, devolver a quebra no sexto game e jogar tentando pressionar. A tática deu errado e Mladenovic cometeu erros e foi quebrada duas vezes sendo dominanda pela tcheca

Na segunda parcial, Mladenovic teve a vantagem , conquistou a quebra de saque no terceiro game, chegoua saca 40-14 com 4/3 no placar, mas viu Pliskova virar o game, igualar em 4/4 e apesar da pressão, voltou a quebrar a rival e sacou fechando o set e forçando a parcial decisiva.

Na terceira etapa, Pliskova conquistou a quebra no quarto game, chegou a abrir 5/3 no placar sacando para a partida, mas bobeou, viu Mladenovc devolver a quebra, igualar o placar e pressionar. A partir daí as tenistas travaram uma batalha pressionando a adversária em seus games de saque e estendendo o jogo. A quebra crucial veio para a tcheca, já exausta, no trigésimo game da disputa.

Como não há tiebreak para definir o terceiro set em Fed Cup, o duelo deu sinais de que entraria para a história e quase se tornou o mais longo da história do torneio, mas ainda fcou 12 minutos abaixo das 4h jogadas pela russa Stvetlana Kuznetsova e a holandesa Rachel Hogenkamp no inicio deste ano.

O confronto segue e a França da capitã Amelie Mauresmo tenta empatar o duelo através de sua número um, Caroline Garcia, 23ª da WTA, que encara a número dois da República TCheca, Petra Kvitova, 11ª do mundo.

banner
banner