X

Há 12 anos Ferrero foi o 1º a bater Nadal em Roma. Assista à partida!

Quinta, 07 de maio 2020 às 13:49:03 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Ariane Ferreira - Há exatos 12 anos, o espanhol Juan Carlos Ferrero, à época ex-número 1 e já veterano do circuito profissional com 28 anos, tornava-se o primeiro homem a superar Rafael Nadal no saibro de Roma, na Itália. Esta foi apenas a quarta derrota do espanhol no piso em 3 anos.



Rafa Nadal teve um início de carreira avassalador, que ganhou destaque na elite do esporte em 2005, com sua conquista do Brasil Open, torneio à época realizado no saibro na Costa do Sauípe. Daquela campanha em diante, Nadal iria até o fim de 2008 com 129 partidas disputadas no saibro e apenas quatro derrotas, a última delas justamente para Ferrero.

A partida foi realizada no início da tarde de 07 de maio de 2008 e era a estreia de Nadal, então tricampeão do torneio, na chave, já diretamente na segunda rodada. Ferrero, então 23º do ranking da ATP, vinha de estreia dura contra o alemão Nicolas Kiefer e amargava uma dura derrota diante de Nadal duas semanas antes, na disputa de oitavas de final em Monte Carlo. No confronto direto, Nadal já havia derrotado Ferrero em seis oportunidades e perdido uma, em 2006, nas quartas de final do Masters de Cincinnati, nos Estados Unidos.

Campeão do Masters de Roma em 2001, quando superou o brasileiro Gustavo Kuerten em um jogo duríssimo com placar de 3/6 6/1 2/6 6/4 6/2, Ferrero aproveitou do fato de ser seis anos mais velho que Nadal e buscou consertar os erros da partida anterior entre eles e usar do desgaste do compatriota, que vinha do título em Monte Carlo. Assim, levou a melhor em 7/5 6/1.

 

A partida marcou a primeira derrota de Nadal no saibro em um ano. O espanhol tinha tido um revés, com direito a pneu, de Roger Federer na final do Masters de Hamburgo, na Alemanha, em 2007


Esta foi a segunda e última vitória do ex-número 1 sobre Nadal. Os dois se enfrentaram apenas mais uma vez, pela chave do Masters de Monte Carlo em 2010. O confronto direto está sete vitórias para Rafa Nadal e duas para o 'Mosquito', como era chamado Ferrero.

Na sequência do torneio, Ferrero foi derrotado nas oitavas de final pelo suíço Stan Wawrinka com placar de 6/4 6/3.

O resto da temporada pra ele foi um pesadelo, tendo acusado lesão na perna direita na estreia com Roland Garros, quando enfrentava o brasileiro Marcos Daniel, viu-se obrigado e desistir da partida no meio do segundo set. Já na segunda rodada em Wimbledon, diante do alemão Mischa Zverev, desta vez com lesão no tendão de Aquiles teve de abandonar. Ferrero ficou três meses sem jogar, não pode disputar o US Open e nem os Jogos Olímpicos de Pequim, pois acusou uma lesão no ombro em treinos para voltar ao circuito após a lesão do tendão de Aquiles. O Espanhol voltou apenas em Pequim para o ATP local.

Nadal, por sua vez, se recuperou bem da derrota e das dores no pé, foi campeão na sequência do Masters de Hamburgo, na Alemanha, batendo Roger Federer na final, feito repetido em Roland garros. Na transição pra grama foi campeão no ATP de Queen's superando Novak Djokovic na final e na sequência venceu pela primeira vez em Wimbledon, numa final épica contra Roger Federer, considerada por muitos a melhor partida da história da rivalidade FeDal. Rafa ainda ergueu o título do Masters do Canadá e ganhou o ouro olímpico em simples.

Você pode assistir a partida completa aqui:

banner
banner