X

Nanda, Pereira, Hermenegildo e Cortez na luta por vaga no PAN

Quinta, 07 de junho 2007 às 19:36:24 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O jogo que prometia ser o mais equilibrado das quartas-de-final da Copa Bras-Onda, seletiva para o Pan-americano Rio 2007, mostrou a força do tênis da atleta Teliana Pereira. A tenista não deixou Andréa Dadá Vieira jogar e no primeiro set marcou 6/0 . A veterana que vinha massacrando as adversárias, ainda esboçou uma certa reação no segundo set, mas não passou do sexto game. Teliana fez 6/3 e garantiu vaga na semifinal deste sábado, às 17h30 no Graciosa Country Clube, em Curitiba, Paraná.

A próxima partida de Teliana, rumo à vaga no Pan-americano, será contra a catarinense e ex-número 1 do Brasil, Maria Fernanda Alves, que manteve o ritmo forte e ganhou da juvenil Flavia Borges por 6/0 e 6/1. Atualmente, Teliana tem alma catarinense, já que treina em Itajaí, no Instituto Tênis, com sede no Itamirim Clube de Campo. “ Amanhã vai ser jogo duro e tem que fazer a diferença para ganhar. O importante é jogar bem, se manter focada e dar o máximo, para sair de quadra feliz por que fez tudo que podia, independente de ganhar ou perder”, disse Teliana que se mantém motivada com a possibilidade de conseguir a vaga no Pan.

“Sempre que jogo pelo Brasil tenho um sentimento a mais. Defender meu país é sempre muito importante, ainda mais sendo aqui no Brasil, por isso estou concentrada em conseguir a vaga”, completou.

Para Nanda Alves, a partida de amanhã deve ser bem equilibrada e a vitória ficará com quem estiver melhor no dia. “Estou focada, tenho jogado bastante concentrada e tento não pensar no porquê de estar aqui, de tudo isso e amanhã vai vencer quem estiver melhor no dia”, disse.

Na outra semifinal, a também catarinense Fernanda Hermenegildo garantiu a vaga depois de mais um jogo duro contra Paula Gonçalves. Venceu por 2x0, parciais de 6/2 e 7/5 e vai enfrentar a vencedora da partida entre Carla Tiene e Joana Cortez. Será a juventude contra a experiência.

"Somo mais novas, mas já temos alguma experiência e acho que não seria nenhuma surpresa se, por exemplo, eu e a Teliana fizéssemos a final do Pré-Pan. Estamos todas no mesmo nível e com o mesmo objetivo”, comentou Hermenegildo.

A opinião da carioca Joana, que está em Curitiba acompanhada pela ex-profissional e atual técnica Marcela Evangelista, é a mesma: “ todo mundo que chegou na semifinal está no mesmo nível e tem que entrar com tudo, com espírito de luta, para ganhar”.

Resultados:

Fernanda Hermenegildo d. Paula Gonçalves 62 75 Teliana Pereira d. Andréa Vieira 60 63
Maria F. Alves d. Flavia Borges 60 61
Joana Cortez d. Carla Tiene 6/7(5) 62 60

Programação de sexta:
17h30 semifinais
Teliana Pereira x Nanda Alves
Joana Cortez x Fernanda Hermenegildo
Programação de sábado:
11 horas
Final Copa Bras-Onda

Fonte: Imprensa CBT
banner
banner