X

Com mudança alimentar inspirada em Djokovic, Menezes projeta 2020 de crescimento

Terça, 31 de dezembro 2019 às 12:46:54 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Fabrizio Gallas - Um dos destaques do tênis brasileiro em 2019, medalha de Ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, e vaga praticamente assegurada na Olimpíada de Tóquio, no Japão, o mineiro João Menezes embarca nesta terça para iniciar a temporada.



O tenista inicia o ano a partir da próxima segunda-feira no challenger de Noumea, na Nova Caledônia, e depois tenta vaga em seu primeiro Grand Slam, o Australian Open.
Além do título do Pan, 2019 foi reservado com o título de um challenger, em Samarkand, no Uzbequistão, e um vice nos Estados Unidos, o fizeram saltar ao top 200 ao 189º lugar como o segundo do Brasil. Ele ainda bateu na trave no US Open perdendo de virada na final do quali.
Atleta da ADK Tennis, equipe de Itajaí (SC) sediada no Itamirim Clube de Campo, o mineiro completou quatro semanas de pré-temporada e o saque foi um fundamento bem trabalhado: "Estamos trabalhando em um modelo de jogo um pouco mais agressivo, onde o saque é peça fundamental nisso e é claro, a segunda bola após o saque, sobretudo as de direita. O intuito é tentar tirar proveito do saque, não necessariamente sacar para Ace, mas sim para aproveitar a segunda bola e sair com vantagem dentro do ponto."
O tenista precisará estar entre os 300 melhores até o fim de Roland Garros, começo de junho, para consolidar a vaga Olímpica, um dos objetivos da nova temporada além do crescimento no ranking: "Em 2020, tenho um grande momento que são os Jogos Olímpicos, gostaria de chegar lá muito bem preparado e competir de igual para igual com todos os jogadores. Além disso, tenho como meta terminar o ano próximo aos 120 do mundo".
Patrício Arnold, treinador de João que o acompanhará na viagem, destacou: "Objetivo é ter um ano melhor, tivemos um bom 2019 e a meta é sempre melhorar. Estamos fazendo ajustes técnicos, físicos e alimentares. Começaremos o ano em um nível bem alto em Noumea e no quali da Austrália e a segunda gira deve ser com mais dois challengers nos Estados Unidos. Depois ainda vamos decidir, esperando sobre o Rio Open e os wildcards. Se aparecer a oportunidade do Rio Open ele vai jogar, caso contrário ele dará prioridade para continuar nos Estados Unidos. A equipe toda da ADK está bem animada, sua cabeça está muito boa, físico também para iniciar o ano com tudo".
Sobre os ajustes alimentares, Menezes fez adaptações inspiradas em Novak Djokovic para ganhar massa magra e perder gordura com a nutricionista Daniela Sabel: "Estou num processo de testes onde como apenas plantas e derivados, bem parecido com o Djokovic",seguiu Menezes: "Glúten faz tempo que já evito, como raramente. Atualmente estou em uma dieta vegana, sem carne, ovos, leite e seus derivados. Já vinha pensando nisso fazia um tempo, dai pesquisei bastante e resolvi testar".

banner
banner