X

Tsonga e Raonic perdem em Pequim e ficam distante do ATP Finals

Segunda, 05 de outubro 2015 às 10:45:33 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Favoritos na chave do ATP 500 de Pequim, na China, o francês Jo-Wilfried Tsonga, 16º do ranking ATP, e o canadense Milos Raonic, nono da ATP, caíram na estreia da competição e se distanciaram da possibilidade de disputar o ATP Finals de Londres.



Leia mais:

Ferrer passa Nadal e fica firme na briga pelo Finals. Berdych se consolida

Oitavo favorito da chave, Tsonga sentiu-se "tonto" em quadra, conforme declarou em entrevista coletiva de imprensa para justificar atendimento, mas após 1h35 parou no austríaco Andreas Haider-Maurer, 65º,  pelo placar de 7/6 (4) 6/2 tendo convertido sete aces contra quatro do francês, que venceu 76% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 72% de aproveitamento do austríaco.

Na segunda rodada do torneio chinês, Haider-Maurer encara o norte-americano Jack Sock, 30º, que superou o russo Teymuraz Gabashvili, 56º, por 6/4 6/3. Sock e Murer nunca se enfrentaram no circuito profissional.

Quinto cabeça de chave, Milos Raonic ficou 1h15 em quadra e foi derrotado pelo sérvio Viktor Troicki, 24, por um duplo 6/4. O sérvio converteu oito aces contra quatro do canadense, que venceu 74% dos pontos jogados com primeiro serviço contra 80% de Troicki. 

O sérvio aguarda por definição de rival entre o francês Adrian Mannarino e o taiwanês Yen-Hsun Lu.

Com a queda precoce no torneio os dois tenistas se distanciaram e muito do top oito, que classifica os oito melhores tenistas da temporada para a disputa do ATP Finals em Londres. Tsonga é o 15º na corrida ao Finals com 1900 pontos conquistados em 2015, já Raonic é o 12º com 2080 pontos. No momento, o último dos classificados ao Finals é o espanhol David Ferrer, que acumulou 3255 pontos até o momento.

Esta será a terceira vez consecutiva em que Tsonga fica de fora da disputa do Finals, torneio que disputou em 2011 e 2012. Raonic, por sua vez, disputou a competição em 2014.

banner
banner