X

Murray leva susto, mas vence e encara algoz de Gulbis na Califórnia

Segunda, 16 de março 2015 às 18:35:31 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O escocês Andy Murray, quarto do ranking da ATP, confirmou o favoritismo diante do perigoso alemão, Philipp Kohlschreiber, 29º da ATP, e se garantiu nas oitavas de final do Masters 1000 de Indian Wells, onde encara o francês Adrian Mannarino.



Murray precisou de 1h50 para fechar o placar diante de Kohlschreiber em 6/1 3/6 6/1 tendo convertido seis aces contra três do alemão, que cometeu uma dupla-falta e contra cinco de Murray, que bateu 27 erros não-forçados contra 35 do alemão, que tirou 22 bolas vencedoras contra 23 do escocês.

 

O jogo começou equilibrado, ao menos nos dois primeiros games, e na sequência a partida foi dominada pelo escocês,  que conquistou duas quebras de saque no quarto e sexto game fechando a primeira parcial.

 

No segundo set, sem muito a perder, Kohlschreiber passou a ser mais agressivo, arriscando precisou salvar chance de quebra no quinto game, pressionou o escocês no game seguinte e no oitavo, em game de 13 minutos de duração e cinco breakpoints, converteu a quebra e sacou forçando a terceira etapa.

 

Ali, o alemão entrou desligado, teve o saque quebrado no segundo e quarto game e viu o rival abrir 5/0 e correu atrás para não levar o pneu.

 

Garantido na fase de oitavas de final, Murray encara o francês Adrian Mannarino, 38º, que pela primeira vez na carreira chega a fase de oitavas de final de um torneio nível Masters 1000 na carreira, após bater o letão Ernests Gulbis, 16º, em 6/4 6/4 em 1h29 de duração da partida.


Mannarino contou com muitos erros não-forçados com o forehand do letão, seu melhor golpe, e administrou bem seus games de saque. O francês foi quebrado apenas no primeiro set, no terceiro game, quando Gulbis tentou pressionar e devolveu a primeira quebra que sofreu na partida no game inaugural.

 

Dali em diante, Mannarino foi superior e viu o letão bater ao todo 45 erros não-forçados contra 12 seus, bateu  dez bolas vencedoras contra 27 de Gulbis, que pouco fez em toda a partida e voltou a ser derrotado, depois de vencer na estreia parando um jejum de sete derrotas consecutivas.

 

Murray e Mannarino nunca se enfrentaram no circuito profissional.

banner
banner