X

Wawrinka lamenta problemas e ressalta: 'Djokovic não é Nº 1 por acaso'

Sábado, 07 de setembro 2013 às 19:52:19 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Stanislas Wawrinka, número dez do mundo, disputou na tarde deste sábado sua primeira semifinal de Grand Slam e esteve bem perto de vencê-la tirando o número 1 do mundo, Novak Djokovic. Acabou derrotado de virada após batalha de cinco sets e 4h09min em quadra.

O suíço comemorou a campanha, mas lamentou dores na perna direita a partir do fim do terceiro set na queda por 2/6 7/6 (7/4) 3/6 6/3 6/4.

“É um sentimento estranho. Saio desapontado com minha parte física pois tive muitas dificuldades, mas de resto só tiro coisas positivas do torneio, foi minha primeira semi de Grand Slam”, disse Stanislas que seguiu lembrando de outra batalha, com 12/10 no quinto set onde foi derrotado nas oitavas do Australian Open deste ano: “Foi um jogo completamente diferente do nosso no Australian Open onde joguei meu melhor pra ficar colado nele. Hoje quando estava bem de físico, tinha a partida sob controle, jogava melhor do que ele, fazia melhor as coisas. Mas ele não é o Nº 1 por acaso, estava perto de mim o tempo todo e me empurrou pra trás, tive que dar tudo do meu corpo pra ficar com ele e ele ganhou”.

Wawrinka comentou mais sobre seu problema físico: “Já havia tido esse problema contra o Marcos Baghdatis (terceira rodada) e fiquei bem, mas passei a sentir ao fim do terceiro set, não pude mais fazer meu jogo agressivo com o forehand e ficava difícil contra alguém que defende tão bem como o Djokovic”.

Stanislas foi questionado sobre sua sempre tentativa após falhar nas competições e tirou lição positiva desta temporada: “Minha vida no geral assim como na carreira é assim. Após o Australian Open tirei tudo de positivo daquela derrota e agora fiz semi aqui. Perdi de novo hoje, mas estou de volta ao top 10 e jogando meu melhor tênis”.
banner
banner