X

“Djokovic teria derrotado qualquer um hoje”, diz Murray

Domingo, 30 de janeiro 2011 às 11:56:03 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Apesar de sua segunda derrota consecutiva na final do Aberto da Austrália, Andy Murray aparentou estar otimista na coletiva após o jogo. O britânico perdeu para Novak Djokovic, terceiro melhor do ranking, por 6/4 6/2 6/3. Murray disse estar se sentindo melhor do que no ano passado.

“Obviamente é difícil e decepcionante. É duro mas você tem que lidar com isso. Ano passado eu estava num estado muito pior”, contou o número do cinco do mundo, após sua terceira derrota em uma final de Slam, sem vencer sequer um set até agora.

Murray disse que, em nenhum momento, ele se sentiu perto da vitória. O britânico contou que achou que não que jogou mal, porém, para ter tido uma chance contra Djokovic, ele tinha que ter se movido muito melhor.

“Ele jogou uma grande partida. Quase não errou bolas. Eu gostaria de ter jogado melhor”, contou o escocês. “Eu acho que ele teria derrotado qualquer outro jogador no circuito jogando como ele jogou hoje à noite. Ele sacou bem. Ele não fez muitos erros do fundo da quadra. Ele se moveu muito, muito bem. É isso.”

“Eu vejo o torneio como um todo, e foi excelente. Não acho que ninguém diria que alcançar uma final de um Slam é uma conquista pequena. É uma grande conquista. Eu estou muito feliz com a forma de que o torneio foi. Mas eu obviamente gostaria de ter ido um passo mais longe”, disse Murray.
banner
banner