X

Murray se frustra com atuação e pondera sobre futuro

Quinta, 20 de janeiro 2022 às 11:40:49 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Andy Murray foi eliminado, nesta quinta-feira, na segunda rodada do Australian Open e ponderou se volta no ano que vem ao evento. Ele se frustrou com a atuação na queda para o japonês Taro Daniel por um triplo 6/4 e vai avaliar de acordo com o desempenho na temporada.



Leia Mais:

Daniel celebra vitória sobre lenda do tênis

"Eu realmente não sei o que aconteceu. Eu me senti muito bem em quadra fisicamente, mas cometi muitos erros nos momentos mais importantes do jogo. Taro também fez um jogo sensacional, muito sólido e quase não cometeu erros. Ele se move bem e é muito consistente. Não te dá nada de graça. Perdi alguns games que não deveria ter perdido. Não tive chance de ficar retornar no jogo novamente. Você tem que parabenizar meu oponente pela vitória. Ele merecia vencer e eu realmente esperava que ele jogasse neste nível. Estou muito frustrado e é uma derrota muito difícil para mim."

Murray disse que pretende voltar em 2023, mas vai depender do que produzir em 2022. Ele não se satisfaz apenas com segunda rodada em Grand Slams: "Minha ideia é voltar. Espero não ter mais jogos como o que tive hoje. Este é um ano muito importante para mim por vários motivos, e quero ter um bom desempenho nos Grand Slams. não foi minha melhor noite, longe disso. Chegar à segunda rodada de um Grand Slam não é algo que me motiva particularmente. Tenho que mudar isso. Como disse agora, quero voltar aqui, mas tudo vai depender de como for este ano em termos de resultados e desempenho em grandes eventos.

"Não é o mesmo perder assim na segunda rodada de um Grand Slam do que fazer contra Djokovic em cinco sets. São situações diferentes. Obviamente, não sou cabeça de chave e posso enfrentar grandes rivais nas primeiras rodadas. Estou muito longe de mudar esse status, gostaria de ser cabeça de chave novamente e ter essa ajuda, a oportunidade de trabalhar um pouco em um torneio e não ter que sair e começar a jogar imediatamente contra grandes caras. Não tenho certeza se perdi uma partida do Grand Slam contra um jogador fora do top 100. Na verdade, não me lembro. Foi uma derrota muito difícil."

Murray disse planejar idas ao Oriente Médio no próximo mês: "Estou planejando jogar em Doha e Dubai. Agora vou para casa descansar um pouco com a família. Depois vou começar a treinar e me preparar para esses torneios", concluiu.

banner
banner