X

Djokovic pede afrouxamento de isolamento total de tenistas 'presos' em hotel

Domingo, 17 de janeiro 2021 às 09:49:54 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Número 1 do mundo, Novak Djokovic enviou uma carta ao presidente da Tennis Australia, Craig tiley, organizador do Australian Open, pedindo condições iguais nas quarentenas de Adelaide e Melbourne, que começaram no final de semana.



Leia Mais:

Novo voo com infectado deixa mais tenistas presos em hotel

Aberto da Austrália corre risco de ser adiado

 

O sérvio pediu inclusive o afrouxamento dos 14 dias de isolamento aos 47 tenistas que estão presos nos quartos de hotel em Melbourne após casos positivos em seus voos provenientes de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, e Los Angeles, nos Estados Unidos. Eles não podem treinar enquanto os demais terão cinco horas, sendo duas de treinamento em quadra, duas de tratamento/academia e a outra para comer fora do hotel.

Djokovic escreveu uma carta segundo publica o site Punto de Break com as seguintes reinvidicações:

- Material de fitness e treinamento em todos os quartos; 

- Comida decente, de acordo com o nível do torneio;

- Diminuir os dias de isolamento aos 47 jogadores, efetuando mais testes que confirmem exames negativos;

- Permissão para visitar o treinador ou preparador físico sempre ambos após os testes de PCR;

- Que os atletas fiquem no mesmo andar do hotel de sua equipe;

- Levar o máximo de tenistas para locais privados com quadra para treinos.  

Em Adelaide, Djokovic, Rafael Nadal, Dominic Thiem e outros privilegiados podem levar o tamanho do time que quiserem e já treinam desde sexta-feira.

 

 

 

 

banner
banner