X

Jogue Melhor - Veja o Guia de Empunhaduras!

Terça, 20 de julho 2010 às 11:20:00 AMT

Link Curto:

Diego Vidal - II
Por Diego Vidal, técnico de tênis - Está minha próxima matéria é sobre empunhaduras. Meu objetivo é poder ajudar com os iniciantes e intermediários que ainda têm dúvida quanto às questões das empunhaduras. Trago um relato sobre cada uma delas com vantagens e desvantagens.

Continental – Está empunhadura também conhecida como neutra, ainda é bastante usada diferente do que muitos dizem. Indicada para o saque, voleio, smash e bate-pronto. Ela facilita bastante pegar bolas baixas, aplicar golpes com slice, bloquear os saques rápidos do seu oponente e é excelente para dar toques e deixadas. Esta empunhadura permite que seu antebraço e pulso fiquem naturalmente pronados através do contato, o que ajuda para os saques e smashes.

A grande desvantagem dela é não gerar o efeito top spin nos golpes, por isso não é indicada no tênis moderno para os golpes de fundo e é difícil também para bolas altas.



Eastern de Forehand - (lado direito do destro) e Eastern de Backhand - (lado esquerdo destro) – Esta empunhadura é bastante confortável, a mais indicada para os iniciantes aprenderem o Forehand ou Backhand. Recomendada para os jogadores de quadra rápida que gostam de ir à rede, por estar próxima da continental facilita a rápida troca de empunhadura.

Com está empunhadura você pode golpear tanto chapado quanto com top spin. Ela é boa para golpear a bola na altura da cintura ou um pouco acima disso.

Usada também nas primeiras aulas de saque e smashes, que inicialmente facilitam um pouco para o iniciante, mas não esqueça de aos poucos ir modificando para continetal.

Com essa empunhadura você já consegue gerar algum Top Spin, mas ela não é boa para as trocas longas pois não gera muito esse efeito que lhe dá bastante controle Esta empunhadura te obriga a estar bem ajustado para os golpe, o que nem sempre é possível na correria do ponto, porém para o Backhand de uma mão é a mais recomendada.



Semi-Western de Forehand e Semi-Western de Backhand - Esta é a empunhadura mais moderna que existe, Ela é a mais versatil e mais usada entre os profissionais para o Forehand. Consegue produzir uma quantidade de Top Spin satisfatória para as trocas longas e também permite você fazer uma bola mais rápida com menos Spin quando necessário. Facilita você pegar a bola entre a altura da sua cintura e até seu ombro. Essa empunhadura permite que você faça um swing mais longo. Seu ponto de contato deve ser bem mais a frente do que as outras duas empunhaduras.

Ela facilita você se adaptar às quadras de saibro e rápidas. Não é tão usada para o Backhand, mas ajuda no controle da bola. Esta empunhadura dificulta pegar bolas baixas e também nas subidas à rede após o golpe de direita devido ao grande giro que será necessario para a troca de empunhadura.



Western de Forehand- Boa para o jogo de fundo de quadra, para jogadores que gostam de trocas muitos longas de bola. Permite você gerar muito Top Spin o que lhe dá muito controle, boa para jogadores de saibro. Esta empunhadura lhe permite golpear bolas altas com uma certa facilidade. Ela não deve ser usada para o Backhand.

É muito ruim para bolas baixas, jogadores que gostam de bater o Forehand e ir à rede por esta empunhadura está muito distante da Continental. Ela te dificulta muito para gerar uma bola mais rápida com menos Spin, o que te complica na hora de aplicar Winners.





Minha próxima matéria será para quem joga de backhand de duas mãos. Vou detalhar sobre as combinações das posições das mãos esquerdas e direitas.

Deixo abaixo uma foto minha com o Nick Bolletieri, um dos maiores técnicos do mundo, dono de uma academia em Bradenton (Flória, EUA) que formaram campeões como Maria Sharapova, Tommy Haas entre outros. A foto foi tirada em Roland Garros 2008.



Um abraço a todos,

Diego Vidal - Dúvidas e Sugestões: equipediegovidal@gmail.com
banner
banner