X

Impacto seria catastrófico se Roland Garros não for jogado, afirma diretor

Terça, 31 de março 2020 às 11:08:16 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Lionel Maltés, diretor financeiro da Federação Francesa de Tênis, afirmou, em entrevista ao jornal francês L´Equipe, que a decisão de postergar o torneio para o fim de setembro foi uma decisão pensada por vários dias.



"A decisão não foi tomada da noite pro dia, esteve muito longe de ser imediata. Levamos tempo tendo claro que seria impossível disputar naqs datas agendadas (fim de maio, começo de junho) e sabíamos que deveríamos fazer algo. Não hava nenhuma conversa coletiva com os outros Grand Slams assim que fizemos a única coisa que deveríamos fazer pelo tênis francês. Não duvidem que Wimbledon e US Open teriam tomado a mesma decisão se pudessem. Defato, outros torneios nos deram respaldo nos dizendo que entendiam e que se estivessem em nossa posição, fariam o mesmo. Erámos conscientes que seríamos muito criticados por isso, mas a salvaguarda do tênis francês está acima de tudo", afirmou Maltés.
Maltés afirma que é preciso dar prioridade aos grandes eventos diante da pandemia por coronavírus: "Osw quatro grandes torneios devem se manter unidos porque são os únicos que podem salvar o tênis mundial. Em um ano onde quase não se jogatá, se foram disputados os quatro Grand Slams se salva uma parte muito importante deste esporte. 
Devemos fazer que o esporte seja heterogêneo e dar oportunidades a todos os países. Se não nos entendermos entre nós, teremos uma situação dramática e só as federações com maior músculo vãose manter".

Maltés ainda comentou o impacto caso Roland Garros não seja jogado: "Seria catastrófico para o tênis da França. A FFT teria que endividar-se enormemente, se perderiam 100 milhões de euros que investimos para fomentar o tênis a nível nacional e internacional e se colocaria em perigo o emprego de muitas famílias. Na França não podemos baixaro salário ou despedir as pessoas assim que temos uma grande responsabilidade social. As perdas chegariam aos 260 milhões de euros caso o torneio não seja jogado".

 

banner
banner