X

CONFIRMADO! Temporada de saibro é cancelada e ranking congelado

Quarta, 18 de março 2020 às 14:00:47 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Poucas horas após as primeiras informações, a Associação dos Tenistas Profissionais, a ATP, e a WTA, anunciaram o cancelamento oficial de todos os torneios de saibro até o dia 7 de junho e o retorno do circuito previsto para a grama.



Leia Mais:

Laver Cup peita o Aberto da França e mantém data

Aberto da França é adiado para setembro

 

 

Na semana passada havia saído comunicado que o circuito paralisaria até o fim de junho, mas um dia após Roland Garros anunciar sua mudança para setembro, as duas entidades do circuito masculino e feminino unidas optaram por cancelar os demais torneios que ainda estavam de pé. 

Desta forma, foram cancelafos os WTAs de Madri, Roma, Estrasburgo e Rabat; e os ATPs de Estoril, Munique, Madri, Roma, Lyon e Genebra. Com isso, o circuito só será retomado na grama, a partir do dia 8 de junho, que em princípio é data onde serão definidas as vagas da Olimpíada de Tóquio que por enquanto está confirmado pelo Comitê Olímpico Internacional.

Também estão cancelados até o dia 7 de junhos os torneios challengers e futures organizados pela ITF.

A ATP e a WTA também anunciaram o CONGELAMENTO dos rankings, ou seja, os tenistas não irão perder os pontos desde os eventos cancelados que compreendem também Indian Wells e Miami.

"A temporada profissional está suspensa até 7 de junho incluindo challengers e eventos do ITF World Tour. Até o momento os eventos que comecem dia 8 de junho seguem previstos. Em paralelo os rankings da ATP e WTA serão congelados. Os desafios apresentados pela pandemia da COVID-19 ao tênis profissional demanda grande colaboração de toda a comunidade do esporte para seguir adiante de forma coletiva pelo interesse dos jogadores, torneios e fãs.

Estamos acessando todas as opções relacionadas para preservar e maximizar o calendário o calendário do tênis baseado em vários retornos de calendário para o circuito, o que é incerto agora. Estamos comprometidos em trabalhar nessas questões com nossos jogadores e membros dos torneios e outras entidades nas próximas semanas e meses, " diz o comunicado que manda uma forte indireta ao torneio de roland Garros que não escutou as outras entidades para mudar sua data anunciada na terça-feira.

"Não é o momento de agir unilateralmente, mas sim de união. Todas as decisões sobre o coronavírus necessitam consulta apropriada e revisão das entidades do esporte, visão com ATP, WTA, ITF, AELTC (Wimbledon), Tennis Australia (Australian Open) e USTA (US Open)."

banner
banner