X

Medida preventiva contra o Coronavírus ameaça o Masters 1000 de Roma em 2020

Quinta, 05 de março 2020 às 11:27:06 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Maior foco de casos do Coronavírus (Covid-19) na Europa, a Itália anunciou nesta quarta-feira uma medida radical para tentar conter o avanço da epidemia, o que poderá ameaçar o Masters 1000 de Roma.



Com realização prevista para os dias 4 a 17 de maio de 2020, o torneio é uma parte importante da gira europeia de saibro que antecede Roland Garros, além de ser um dos mais tradicionais de todo o circuito profissional, sido fundado em 1930.

Diante de mais de mil casos confirmados da nova doença, o governo italiano optou por adiar uma série de competições de futebol para daqui a alguns meses, além de determinar que aqueles que não forem ou não puderem ser adiados sejam disputados sem torcida, com portões fechados.

Inicialmente a determinação estará em vigor até o mês de abril, no entanto, tanto o governo quanto a ITF declararam que, caso o cenário se mantenha ou não apresente melhora, as medidas podem se estender ou até mesmo tomar um caráter mais severo, de modo que a proximidade do torneio começa a preocupar por um possível adiamento ou até mesmo cancelamento da prova em 2020.

Até o momento, nem a ITF nem a ATP se pronunciaram sobre o assunto, embora a Federação Internacional tenha deixado claro em seu comunicado nesta quarta que qualquer decisão referente aos torneios será tomada de forma individual e em tempo de acordo com a evolução da situação.

banner
banner