X

Roddick reassume no.3 do ranking e briga pelo posto promete ser grande em Paris

Domingo, 20 de maio 2007 às 18:44:26 AMT

Link Curto:

Roddick - Roma 07
Mesmo sem jogar nessa semana no Masters Series de Hamburgo, o americano Andy Roddick foi beneficiado pela queda precoce do russo Nikolay Davydenko e reassumiu o posto de número 3 do ranking que havia perdido na última semana.

Davydenko defendia as quartas de final, mas foi às oitavas quando caiu diante do semifinalista Lleyton Hewitt. POr isso, ele perdeu 50 pontos e caiu para 2905, 25 a menor que Roddick que possui 2930.

Os dois tem desvantagem de 2,3 mil pontos para o espanhol Rafael Nadal que ampliou sua pontuação para 5225 com o vice em Hamburgo e muito mais distantes de Roger Federer que foi à 7515.

A briga de roddick e Davydenko não será apenas com eles em Roland Garros, mas também entre o chileno Fernando Gonzalez e o sérvio Novak Djokovic. Os dois foram à iguais 2810, e estão a apenas 120 pontos do terceiro lugar.

Os dois que podem se beneficiar mais em Roland Garros são Roddick e Gonzalez. O americano não é adepto do piso de saibro e ano passado abandonou na primeira rodada por lesão. O chileno perdeu na segunda fase e defende apenas 35. Em contrapartida, Djokovic e Davydenko chegaram às quartas em 2006 e tem 250 pontos a descontar. Ou seja, precisam de um bom resultado.

Outros destaques da tabela de segunda-feira divulgada aidna neste domingo foram a escalada de seis posições do semifinalista em Hamburgo, o australiano Lleyton Hewitt com o 16o. posto. Carlos Moya, que também caiu na penúltima fase, saiu do 36o. para o 26o. posto.
banner
banner