X

Jogos de alto nível marcam rodada dos 18 anos da Copa Gedore

Sexta, 11 de maio 2007 às 08:53:44 AMT

Link Curto:

Tênis Juvenil
Jogos com quase três horas de duração e um alto nível técnico marcaram a rodada desta quinta-feira na categoria 18 anos masculino da Copa Gedore de Tênis, torneio válido pelo Grupo I do ranking nacional e que está sendo disputado no São Leopoldo Tênis Clube. Tenistas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul estão classificados para as quartas-de-final da competição, com destaque para o catarinense Gustavo Kleine, cabeça-de-chave número 1, que venceu o paulista Renato Terra por 6/3 e 6/1.

Seu próximo adversário será o paranaense Tiago Slonik, num confronto entre dois jogadores integrantes do Instituto Tênis.

"Não foi nada fácil. Estou gripado e senti uma lesão na virilha quando eu tinha 3/0 no terceiro set. Felizmente consegui vencer e agora é pensar no próximo jogo. Se ganhar novamente, será um grande mérito", disse Slonik, após a vitória sobre Bruno Volkmann, de Santa Catarina, por 6/4, 3/6, 6/4. Neste ano, Slonik já conquistou o título da etapa Joinville do Circuito Unimed. Os outros confrontos das quartas-de-final vão reunir Thales Turini (SC) x Caio Claudino (SP), André Vidaller (SP) x João Costa (MS) e os gaúchos Fabricio Neis x Bernardo Fernandes.

Para avançar no torneio, Neis e Fernandes passaram por verdadeiras batalhas decididas somente no terceiro set. Neis, atleta da Associação Leopoldina Juvenil, venceu Bernardo Dias, do Instituto Gaúcho de Tênis, por 6/3, 4/6 e 6/2, em confronto que durou mais de 3h30min. Dias perdia o segundo set por 0/3, mas venceu cinco games seguidos e conseguiu levar o jogo para o terceiro set. Aí foi a vez de Fabricio Neis brilhar em quadra, fazendo valer a sua maior experiência. Seu adversário nesta sexta-feira também venceu após um jogo duro. Fernandes, que defende o Grêmio Náutico União, perdeu o primeiro set por 6/1 diante do catarinense Lucas Abella. No segundo, conseguiu a recuperação no tie-break. E no set decisivo Fernandes fechou de forma mais tranqüila, já que Abella sentiu cãibras ao final do jogo.

REUNIÃO DE TÉCNICOS - Construir uma espécie de "Agenda Positiva", com sugestões que possam contribuir para o crescimento e desenvolvimento do tênis nacional. Este é um dos principais objetivos da reunião que acontece no São Leopoldo Tênis Clube nesta sexta-feira à noite. Mais de 30 profissionais que atuam como técnicos estão sendo convidados para o encontro que ocorre paralelamente à disputa da Copa Gedore. De acordo com um dos organizadores da reunião, o técnico Marcelo Hennemann, os profissionais que vivenciam o dia-a-dia das quadras podem e devem se posicionar com relação a vários aspectos que cercam o mundo do tênis. Mas, neste momento, o clima é propenso para a elaboração de uma espécie de "Agenda Positiva", onde estarão reunidas sugestões a serem encaminhadas, num primeiro momento, à Federação Gaúcha e à Confederação Brasileira de Tênis. "Vamos aproveitar a presença deste grande número de técnicos aqui em São Leopoldo para a troca de idéias em torno do que pode ser feito para o desenvolvimento do esporte. Todos terão espaço para as suas opiniões", resume Hennemann.

Fonte: Assessoria de Imprensa De Zotti
banner
banner