X

"Foi um dia perfeito", comemora André Sá

Segunda, 07 de maio 2007 às 01:43:59 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
A melhor dupla brasileira da atualidade André Sá(Compañion) e Marcelo Melo conquistaram hoje o primeiro título de ATP juntos, no Estoril Open, em Portugal. Eles derrotaram na final Martin Garcia e Sebastian Prieto, de virada, por 3/6, 6/2 e 10/6 em 1hora e 12 minutos de jogo.

André, atual 65o. do ranking mundial de duplas, já disputou oito finais de ATP Tour e este é seu segundo titulo(foi campeão em Hong Kong em 2001) e o primeiro de Marcelo, que é o 67o. da lista. Entre os brasileiros, o último troféu em torneios deste nível foi conquistado por Ricardo Mello em Delray Beach em 2004.

" Estou muito feliz com esse primeiro título de ATP. Eu estava sentindo que estava muito perto de chegar lá. É o dia mais feliz da minha vida e espero repetir esta emoção outras vezes", falou Marcelo Melo.

" Estou muito orgulhoso o Marcelo, por que não é fácil jogar uma final de ATP pela primeira vez e ele foi muito bem. Vamos comemorar esse título e trabalhar para jogar melhor a cada semana, disputar outros torneios de ATP e colher os resultados", completou André.

Esta foi a quinta vez que os mineiros jogaram duplas juntos em torneios deste porte e já tem um recorde de 8 vitórias contra cinco derrotas desde a estréia em Viña del Mar. Em Challenger, a parceria vem de uma conquista em Bermuda.

André, que hoje comemora o aniversário de 30 anos, festejou o presente como se fosse o primeiro título da carreira. "Foi um dia perfeito, uma semana perfeita, e só mesmo um título para ficar feliz comemorando meu aniversário longe da família e da minha filha. Todo título é importante para mim e fico muito feliz quando venço, minha última final de ATP foi há muito tempo atrás e por isso, hoje foi mesmo um dia especial".

O título no torneio português vale US$ 26,5 mil em prêmios e 200 pontos no ranking, o que deve deixar a parceira brasileira perto do top 50 na lista de duplas da ATP.

André Sá segue agora para o Challenger de Praga.

Fonte: Lia Benthien
banner
banner