X

Inscrições abertas para 2a. etapa juvenil em SC

Quarta, 18 de abril 2007 às 19:00:00 AMT

Link Curto:

Tênis Juvenil
O prazo para efetuar inscrições na 2a etapa do Circuito Estadual Infanto-Juvenil foi prorrogado até a próxima sexta-feira, dia 20 de abril, para tenistas que já são cadastrados na FCT. A etapa acontece nos dias 27 e 29 de abril, nas quadras da Top Tênis, em Florianópolis, valendo pontos para o ranking estadual e brasileiro, este último pontuando nacionalmente como Grupo 4. As inscrições custam R$50,00 e podem ser feitas na FCT pelo telefone (48) 3028-8900.

É mais uma chance para os tenistas participarem da competição e entrarem na disputa por uma vaga na equipe catarinense de 2007 que competirá no tradicional torneio Interfederações, programado para julho, em Brasília. A equipe catarinense será definida após a 3a etapa do circuito, quando o primeiro colocado de cada categoria recebe a convocação a fim de defender Santa Catarina no torneio que reúne os melhores jogadores do país representando suas federações estaduais.

Os primeros colocados do ranking estadual já confirmaram participação no torneio, entre eles Vanessa Tavares, líder da categoria 14 anos feminino, que entre 06 e 08 de abril no Costão do Santinho viveu a emoção de ver os ídolos brasileiros, durante o confronto entre Brasil e Canadá, válido pela Copa Davis, do melhor local da arena - direto da quadra. Vanessa foi boleira das disputas do Brasil junto ao colega André Gaidzinski e adolescentes do Projeto Tênis Comunitário.

Ações sociais são destaques nos torneios da FCT

A 2a etapa do Circuito Estadual Infanto-Juvenil também inaugura as ações sociais de 2007 em competições estaduais da FCT. No ato da confirmação de presença, o atleta deverá entregar ao árbitro geral 1litro de leite, que será doado para a Casa Lar do Emaús, um abrigo localizado no bairro Santa Mônica, em Florianópolis.

O lar abrigo, mantido pela ONG Ação Social Missão, tem atualmente oito meninos de 05 a 16 anos, sendo que alguns deles são ou já foram participantes do projeto Tênis Comunitário. As crianças vêm ao lar abrigo por meio de determinação do Juizado da Infância e Adolescência para ali morarem provisoriamente aguardando o retorno familiar ou a adoção. Quando estes não ocorrem, os meninos permanecem até completarem a maioridade.

O lar abrigo foi fundado por integrantes do Movimento Emaús, da Igreja Católica, e até hoje conta com a participação voluntária dos jovens oriundos do movimento, que se revezam em plantões de finais de semana, fazem aulas de reforços nos estudos das crianças e são membros da diretoria da ONG mantenedora.

Além de contribuir socialmente, os tenistas, pais e treinadores podem fazer uma visita à casa, mediante autorização prévia, para um momento de bate-papo e carinho com as crianças beneficiadas pela ação social promovida pela FCT. Outras informações estão disponíveis no site da Federação Catarinense de Tênis - www.fct.org.br - , ou de segunda à sexta-feira das 10 às 17 horas pelo telefone 48 3028-8900.

Fonte: Imprensa FCT
banner
banner