X

Alves: 'Chico Costa é trabalhador e quero jogar a Davis em casa'

Sexta, 09 de março 2007 às 15:00:00 AMT

Link Curto:

Thiago Alves - Salinas II

Por Fabrizio Gallas, direto de Salinas

Momentos após derrotar co australiano Alun Jones nas oitavas de final no challenger equatoriano onde perdeu nas quartas, Thiago Alves, o número 1 do Brasil, elogiou Francisco Costa, novo capitão do Brasil da Copa Davis, e se mostrou a disposição para disputar a série contra o Canadá em Florianópolis.

"É um pouco cedo pra gente falar se vai dar certo ou errado. Mas acho que o Chico é um cara muito trabalhador. É um cara que tem os principios bons que sabe que o trabalho é o mais importante no tênis", declarou o 118o. colocado no ranking que não vê privilégios em convocações: "É um cara que não vai influenciar ninguém e a gente vai ter certeza nesse primeiro confronto, vamos ver a escalação."

Thiago também analisou o duelo diante do Canadá entre os dias 6 e 8 de abril no saibro do Costão do Santinho em Florianópolis e está com muita vontade de jogar em casa, já que recém mudou-se para a capital catarinense: "Os caras são melhores em quadra dura, se os jogos fossem lá eles iam botar em um piso à típico no carpete. Ao mesmo tempo eles não são tão cegos no saibro apesar de não ter resultados expressivos eles não são muito ruins. Vai ser um confronto duro, bem complicado, mas vamos jogar em Floripa em casa e eu quero fazer parte deste confronto pois estarei jogando praticamente em casa pois estou morando lá agora".

O tenista de São José do Rio Preto espera que a liderança do ranking nacional, a vitória diante de Carlos Moya na Costa do Sauípe e o bom resultado em Salinas, o ponham como um dos convocados para a equipe: Espero ser convocado, vou estar em primeiro do Brasil com esse resultado, acho que ninguém me passa. Comecei a jogar bem aqui, ganhei do Moya e espero estar dentro desse time", concluiu.
banner
banner