X

Bia leva virada de paraguaia na estreia em Bogotá

Terça, 11 de abril 2017 às 16:56:10 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Após furar o torneio qualificatório do WTA de Bogotá, na Colômbia, a número um do Brasil e 153 do mundo, Beatriz Haddad Maia, levou a virada na primeira rodada da chave principal em partida atrapalhada pela chuva diante da paraguaia Veronica Cepede.



Cepede, que ocupa o posto de 109ª do mundo, precisou de 2h25 de bola quicando para fechar o placar em 2/6 6/3 6/4  tendo convertido um ace em todo o jogo e visto a paulistana cometer dez duplas-faltas contra oito da paraguaia, que venceu 64% dos pontos disputados em seu primeiro serviço contra 59% de aproveitamento de Bia.

Vindo com o histórico de ter vencido a única partida entre elas, Bia entrou confiante e firme na devolução, conquistou quebra no primeiro game, foi sólida e conquistou outras três quebras abrindo 5/0 no placar do primeiro set. Sacando para fechar a parcial pela primeira vez, Bia vacilou cometeu dupla-falta dando a paraguaia a chance da quebra, que não foi desperdiçada. Ao fechar a possibilidade de pneu, Cepede começou a acreditar, apesar que Bia confirmou a primeira parcial em sua segunda chance sacando para fechar.

No segundo set a paraguaia conquistou a quebra no segundo set, fez 2/0 no placar, mas foi surpreendida pela paulistana que devolveu a quebra no terceiro game e igualou o placar em 2/2. Cepede não desistiu de pressionar e conquistou nova quera no oitavo game sacando com tranquilidade para igualar a partida.

No set decisivo, os primeiros games foram duros para as tenistas. Cepede conquistou a quebra na quinta etapa, lutou por quatro igualdades no sexto game até que viu a partida ser interrompida pela chuva. A partida ficou interrompida por 33 minutos e retomou com a brasileira desperdiçando breakpoint e vendo a paraguaia administrar a vantagem, até fechar a partida.

Na segunda rodada da competição, a paraguaia encara a sueca Johanna Larsson, que superou a francesa Fiona Ferro na segunda-feira.

banner
banner